MENU

Por paz na Arena Barueri, PM vai escoltar torcidas e fecha bilheterias

Por paz na Arena Barueri, PM vai escoltar torcidas e fecha bilheterias

Atualizado: Domingo, 27 Março de 2011 as 11:39

Uma verdadeira operação de guerra. É dessa maneira que a Polícia Militar está encarando o clássico deste domingo, entre São Paulo e Corinthians, pela 16ª rodada do Campeonato Paulista. O duelo estava marcado para o estádio do Morumbi, mas foi transferido para a Arena Barueri porque o Cícero Pompeu de Toledo foi alugado para um show da banda Iron Maiden. E o palco do clássico preocupa demais porque, além da rivalidade existente entre as duas equipes, o local é de difícil acesso.Para tentar evitar confrontos, a Polícia Militar de São Paulo destacou 280 homens, que ainda terão ajuda da Tropa de Choque, da Cavalaria e da Guarda Municipal de Barueri. Um cordão de isolamento será montado nas imediações do estádio e só vai passar quem estiver com ingresso na mão. Isso porque as bilheterias do local não vão funcionar neste domingo. No total, 28 mil ingressos foram colocados à venda e a expectativa é de um público de 16 mil torcedores.

As torcidas organizadas das duas equipes serão escoltadas desde as saídas de suas sedes. Também haverá atenção especial nas estações de trem, que são o principal meio de transporte até Barueri. Os portões do estádio serão abertos às 14h e os são-paulinos entrarão na Arena Barueri pelos portões 2, 3, 4, 5, 6, 15 e 16. Os corintianos, por sua vez, terão acesso apenas pelo setor D inferior (portão 10).

Vale lembrar que, para evitar confrontos na saída, os torcedores do Timão ficarão confinados no estádio por aproximadamente uma hora. Eles serão liberados somente após todos os são-paulinos terem deixado o local.   Globo Esporte

veja também