MENU

Possível rival no Mundial, Xavi elogia Neymar

Possível rival no Mundial, Xavi elogia Neymar

Atualizado: Terça-feira, 22 Novembro de 2011 as 2:42

O Mundial de Clubes da Fifa, que será realizado entre os dias 8 e 18 de dezembro, vai reunir no Japão as equipes campeãs de seis continentes, além do vencedor do Campeonato Japonês, ainda em andamento. Mas o encontro mais esperado no torneio é a possível decisão entre Santos e Barcelona, times dos craques Neymar e Messi, respectivamente.

Ciente da possibilidade de enfrentar o Peixe, o meia Xavi Hernandez, da equipe catalã, não deu como certa a decisão, mas deixou claro que considera grandes as chances de um encontro entre os campeões da Liga dos Campeões e da Libertadores. Para o camisa 6 do Barça, caso os dois times cheguem à final, a maior preocupação ficará por conta do talento de Neymar. - Parece que a final será contra o Santos, mas nunca se sabe. Não posso dar uma opinião exata, mas Neymar parece ser um jogador de muito talento. Com uma habilidade espetacular. Há muita conversa sobre uma transferência para o Barcelona ou Real Madrid, mas ele renovou recentemente com o Santos. Ele parece ser um jogador destinado a fazer a diferença em qualquer time - afirmou o meia.

Xavi: 'Neymar parece destinado a fazer a diferença

em qualquer time (Foto: Agência Getty Images) O Santos, que estreia apenas na fase semifinal do Mundial, no dia 14 de dezembro, enfrentará quem sair do duelo entre o Monterrey (México), e o vencedor da partida entre o Auckland (Nova Zelândia) e o campeão japonês, que entra como representante do país anfitrião.

Já o Barcelona aguardará quem passar de Al Sadd (Qatar) - ganhador da Liga dos Campeões da Ásia - e Esperance (Tunísia), que faturou a Liga dos Campeões da África. Os catalães estreiam um dia após a partida inaugural do Santos.

Xavi prega cautela não apenas contra o Santos, mas também contra o adversário da semifinal. Segundo o meia, a única certeza de alívio é não enfrentar o Monterrey, teoricamente a terceira força da competição.

- Não sabemos muita coisa sobre os nossos rivais. Talvez um pouco mais sobre o Santos, porque é um time famoso no Brasil. Nós não estamos no mesmo grupo do Monterrey, do México. Mas vamos tentar analisar o nosso próximo rival porque nenhuma equipe vai tornar as coisas fáceis. Hoje em dia, existe muita igualdade. Vai ser muito complicado, obviamente - afirmou Xavi.

Caso vençam nas semifinais, Santos e Barcelona se enfrentam na decisão do Mundial de Clubes no dia 18 de dezembro, em Yokohama.          

veja também