MENU

Prata na Olimpíada da China, Robert e Bruno disputam a Taça Royal Thames

Prata na Olimpíada da China, Robert e Bruno disputam a Taça Royal Thames

Atualizado: Quarta-feira, 3 Dezembro de 2008 as 12

Prata na Olimpíada da China, Robert e Bruno disputam a Taça Royal Thames

A Taça Royal Thames, o mais tradicional evento brasileiro da classe Star, marca o retorno às competições de Robert Scheidt e Bruno Prada. Os dois não participam de regatas da classe desde a conquista da medalha de prata da Olimpíada da China, em agosto. Por isso, a dupla paulista é a grande atração do torneio, que será disputado de quinta-feira a domingo, no Rio de Janeiro.

Robert e Bruno, vice-líderes do ranking mundial, iriam participar da Semana Internacional de Vela do Rio de Janeiro, em outubro. Na véspera da competição, porém, Robert desistiu em razão de dores nas costas.

Para retomar o entrosamento e o ritmo de competição, a dupla montou o barco no domingo e está treinando no Rio desde segunda-feira. "É muito bom voltar a velejar, ainda mais contra as principais duplas do Brasil", comentou Robert, que ganhou uma competição de Laser em outubro em Kaumas, na Lituânia, antes de casar-se com Gintare Volungeviciute, também medalha de prata na Olimpíada na Laser Radial.

Na Royal Thames, que terá duas regatas por dia - oito no total e um descarte após a quinta prova -, Robert e Bruno buscam o tricampeonato, já que venceram as edições de 2004 e 2007. Disputada desde 1978, a competição será realizada fora da Baía de Guanabara, com dois percursos barla-sota. Este evento serve de preparativo para o Campeonato Mundial de Star de 2010, que será disputado no Iate Clube do Rio de Janeiro.

Entre os timoneiros confirmados estão Lars Grael, Dino Pascolato, Fábio Bodra, Daniel Wilcox e John King, entre outros. "Vai ser certamente uma competição difícil. O nível do Star no Brasil é mais complicado do que em muitas competições internacionais", disse o proeiro Bruno Prada.

Robert, octacampeão mundial de Laser, conquistou em Qingdao, na China, a quarta medalha olímpica consecutiva (duas de ouro e duas de prata). Já Bruno participou dos primeiros Jogos Olímpicos da carreira.

Mais informação no site www.robertscheidt.com.br

veja também