MENU

Presidente do Santos diz que Muricy Ramalho é 'a opção óbvia'

Presidente do Santos diz que Muricy Ramalho é 'a opção óbvia'

Atualizado: Sexta-feira, 18 Março de 2011 as 10:11

A opção óbvia. É com essa expressão que o presidente do Santos, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, se refere ao técnico Muricy Ramalho. Após pedir demissão do Fluminense, o treinador passou a ser o alvo da diretoria santista, que busca substituir Adilson Batista, demitido no último dia 27. Luis Alvaro e Muricy ainda não se sentaram para conversar, mas já houve contatos preliminares de dirigentes do Santos com o treinador e seus representantes.

O mandatário alvinegro nega que a derrota para o Colo Colo, na última quarta-feira, em Santiago, Chile, pela Taça Libertadores, apresse a busca pela contratação de Muricy. Luis Alvaro diz que vai manter a postura de só começar a negociar na próxima semana.

- Fosse uma derrota acachapante no Chile, estaríamos mais preocupados. Mas acho que o time jogou bem, teve suas oportunidades. O Muricy está de quarentena e vamos respeitar. É a opção óbvia, mas vamos avaliar se vamos esperar os 30 dias pedidos por ele. Por enquanto, o Marcelo Martelotte (interino) vem fazendo um bom trabalho e tem a nossa confiança - afirmou o presidente, durante desembaque da delegação após viagem ao Chile, na última quinta-feira.

Luis Alvaro garantiu que ainda não teve nenhuma conversa pessoal com Muricy. Admitiu mais uma vez que conversou com o presidente do Fluminense, Peter Siemsen, sobre a situação do treinador, quando ele ainda balançava no cargo. Na ocasião, ouviu do colega que haveria mudanças e que o treinador poderia sair.

- Foi apenas essa conversa que tive sobre esse assunto. Com o Muricy eu ainda não falei. Vamos aguardar.    

veja também