MENU

Proibida de usar veste religiosa, atleta de Israel pode ficar fora do Europeu

Proibida de usar veste religiosa, atleta de Israel pode ficar fora do Europeu

Atualizado: Quinta-feira, 9 Junho de 2011 as 3:34

Naama Shafir em ação nos EUA (Foto: agência AP)

  Uma das principais jogadoras da seleção de Israel, Naama Shafir pode ficar fora do Europeu de basquete por não chegar a um acordo com a FIBA sobre seu uniforme na competição. Judia ortodoxa, a pivô, que atua no basquete universitário dos EUA, pediu para usar uma camisa por baixo da roupa de sua seleção, como faz no seu time. O pedido, no entanto, não foi atendido.

De acordo com o regulamento, todas as jogadoras devem usar o mesmo uniforme. Naama, no entanto, quer seguir as orientações de sua religião, que diz que as mulheres devem cobrir os ombros em público.

Os organizadores do campeonato, que será realizado na Polônia, neste mês, disseram que a jogadora não poderá usar a camisa durante o campeonato. Nesta quinta, Naama afirmou que, então, não vai participar da competição. A federação israelense chegou a apelar da decisão, mas não foi atendida.          

veja também