MENU

Proposta do Bahia trava renovação de Marcos Assunção no Palmeiras

Proposta do Bahia trava renovação de Marcos Assunção no Palmeiras

Atualizado: Quarta-feira, 25 Maio de 2011 as 9:47

A renovação que era dada como certa agora corre riscos. Uma alta proposta do Bahia é o motivo pelo qual o volante Marcos Assunção ainda não assinou o novo contrato com o Palmeiras, alinhavado na semana passada entre o clube e o empresário do jogador, Ely Coimbra Filho. Nesta terça-feira, Coimbra se reuniu com o presidente Arnaldo Tirone, mas saiu do encontro sem definições. O tom do empresário, que quer uma melhora na proposta palmeirense, é de pessimismo. O atual vínculo vence no fim de julho.

Do outro lado, o Bahia oferece salário bem maior e a garantia de que Assunção será o principal jogador do time. Aos 34 anos, o volante está prestes a assinar aquele que deve ser seu último contrato como profissional. O Verdão ofereceu vínculo até o fim de 2012, e só espera o OK do empresário para redigir e assinar o novo contrato.

- Está nas mãos deles, nós fizemos nossa parte e oferecemos uma boa proposta. Na minha visão estava bem encaminhado, mas não vamos entrar em um leilão – afirmou o vice-presidente Roberto Frizzo.

Nas últimas partidas, Marcos Assunção voltou a aparecer bem na equipe. Contra o Coritiba, pela Copa do Brasil, fez um golaço de falta na vitória por 2 a 0 no Pacaembu. Diante do Botafogo, domingo passado, atuou bem mais uma vez e acertou uma falta no travessão. Caso dispute mais de seis jogos pelo Palmeiras no Campeonato Brasileiro, ele não poderá se transferir para outro clube da elite.

- O Assunção é um dos jogadores mais importantes do grupo, claro que o queremos aqui. Mas por valores dentro de nossa realidade – ressaltou Frizzo.

Tirone tem viagem marcada e só volta ao Palmeiras no fim da semana. Por isso, o vice ficará à frente do caso. Agora, só uma pessoa pode decidir onde vai jogar o Campeonato Brasileiro: o próprio Marcos Assunção.        

veja também