MENU

Próximo de 'vingança', Bayern de Munique recebe Inter em vantagem

Próximo de 'vingança', Bayern de Munique recebe Inter em vantagem

Atualizado: Terça-feira, 15 Março de 2011 as 9:48

O meia Schweinsteiger foi um dos poucos a ficarem satisfeitos do lado do Bayern de Munique quando o sorteio apontou um precoce confronto contra o Inter de Milão, algoz na última decisão da Liga dos Campeões, nas oitavas de final da atual temporada. O volante, como toda a torcida, queria provar para o mundo que era capaz de vencer, sim, os campeões europeus. O primeiro passo para selar a “vingança” foi dado em Milão, há duas semanas. O segundo e possivelmente definitivo tem data e hora marcada para terça-feira, a partir das 16h45 (de Brasília), na Allianz Arena. O GLOBOESPORTE.COM acompanha em Tempo Real.     A vantagem é dos alemães. A vitória simples com gol de Mario Gomez no jogo de ida deu o direito de os bávaros empatarem por qualquer placar para avançarem às quartas de final. Os italianos precisarão apresentar algo próximo de sua melhor exibição desde que Rafa Benítez, antecessor de Leonardo, substituiu José Mourinho no comando do time. Para eles é quase uma final antecipada.

– Não penso que alguém possa ser considerado favorito, e já temos uma estratégia clara. Não vou nem posso prometer nada, mas vamos jogar com muita confiança, paixão e desejo. Sabemos que temos de estar ao nosso melhor nível, mas vejo que os jogadores estão bastante motivados. Para eles é um privilégio participar em jogos deste calibre. É como se fosse uma final antecipada – disse Leonardo.

O treinador brasileiro não deverá contar com dois importantes jogadores nas melhores de suas condições. O zagueiro Lucio sofreu um estiramento no glúteo, mas deve jogar. Já o atacante Diego Milito, que pouco atuou na temporada, surgiu como novidade ao ser relacionado e deve começar no banco de reservas.

Quem é titular incontestável é o goleiro Julio César, que se recuperou da falha na partida de ida com boas atuações e um pênalti defendido no último minuto contra o Brescia, na última sexta-feira, pelo Campeonato Italiano. Resultado que impediu uma aproximação do líder e rival Milan e colocou dúvidas sobre o rendimento da equipe às vésperas de tão importante duelo. Do lado de lá, não há ninguém que os subestime.

– O Inter é o detentor do troféu. Venceram tudo na época passada e foram a melhor equipa. Portanto, não há perigo de subestimá-los – afirmou Bastian Schweinsteiger.

No Bayern, uma classificação pode afastar de vez a turbulência após o anúncio do técnico Louis van Gaal que não irá continuar na próxima temporada, independente dos resultados. E isso já valeu para a goleada por 6 a 0 diante do Hamburgo, no último sábado.

– O Bayern é um grande clube, talvez o mais organizado do Mundo. Qualquer treinador gostaria de trabalhar aqui, e uma vez que o meu relacionamento com os jogadores tem sido muito bom, estou um pouco triste por sair em junho. Mesmo que ganhe a Champions nada vai mudar – contou Van Gaal, que tem todo o plantel à disposição e deverá escalar equipe semelhante à que derrotou o Inter em Milão.

Resta saber se a história, até então contada por alemães, terá sabor de vingança ou de filme repetido.    

veja também