MENU

Rafael Sobis tinindo e pronto para ser novamente decisivo

Rafael Sobis tinindo e pronto para ser novamente decisivo

Atualizado: Terça-feira, 14 Dezembro de 2010 as 8:55

Do gol marcado contra o Chivas na final da Libertadores até a estreia do Inter no Mundial, neste terça-feira, Rafael Sobis não tirou da cabeça o sonho de conquistar o planeta. Ausente em 2006, ele precisou superar uma lesão grave de joelho antes do retorno ao Beira-Rio e um problema muscular depois de voltar para casa até receber a chance perdida há quatro anos, quando trocou o Colorado pelo Real Betis, da Espanha, logo depois da Libertadores. Deixar o atacante em condições de ser novamente decisivo foi um dos pontos da preparação vermelha para Abu Dhabi. E parece ter dado certo.

Sobis chega ao Mundial tinindo. Nos treinos, dá sinais de que está pelo menos no mesmo nível dos colegas. A lesão muscular, a busca por ritmo de jogo, o entrosamento, tudo tem jeito de ter sido superado.

- Desde que acabou a Libertadores, meu pensamento era usar o Brasileiro para chegar na melhor forma possível ao Mundial. Estou em um momento muito bom. Nunca sabemos se estamos na perfeição, mas me sinto muito bem – disse o jogador.

Sobis tem três gols em finais de Libertadores. Antes de marcar contra o Chivas, mandou duas bolas na rede do São Paulo, no Morumbi, em 2006. A esperança do atacante é ser novamente decisivo.

- Que bom ser visto por esse lado... É bom, como atacante, fazer gols decisivos. Espero seguir assim. O jogo desta terça é super importante. Espero levar isso para dentro de campo – afirmou o Sobis.

O jogador estreará no Mundial de Clubes justamente no estádio onde ele treinava até a metade de 2010. O Mohammed bin Zayed pertence ao Al-Jazira, clube com o qual ele ainda tem contrato.

- Para mim, é importante voltar ao estádio onde eu jogava até seis meses atrás. Não preciso de nada de adaptação. Espero passar isso a meus colegas. Tenho um conhecimento sobre o estádio, sobre como jogar aqui.

Rafael Sobis deve atuar mais avançado, como atacante, ao lado de Alecsandro, no jogo contra o Mazembe, da República Democrática do Congo. A partida começa às 14h (de Brasília), com transmissão ao vivo da Rede Globo e do GLOBOESPORTE.COM.

Por: Alexandre Alliatti

veja também