MENU

Rede hoteleira carioca registra lucro significativo em função do UFC Rio

No último dia de venda na internet, restam 500 ingressos

Atualizado: Sexta-feira, 13 Janeiro de 2012 as 1:26

Com uma marca avaliada em aproximadamente R$ 3,6 bilhões (U$ 2 bilhões), o UFC segue causando grandes impactos econômicos por onde passa. Em sua segunda edição no Rio, o setor hoteleiro é uma das áreas que mais se beneficia com a realização do evento. Segundo dados da Associação Brasileira de Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ), somente na região da Barra da Tijuca - onde será realizada a competição - a procura por vagas é 20% maior que a média do período.


O aumento representa um preenchimento de 97% da rede hoteleira da região. No UFC 134 (primeira edição no Rio), em julho do último ano, os hotéis da cidade ficaram 78% ocupados, segundo dados divulgados pela mesma ABIH-RJ.


Para o presidente da associação, Alfredo Lopes, o evento de MMA na Arena da Barra é a única razão para o incremento dos números, uma vez que o atual verão não tem sido dos mais atraentes para os turistas que vêm à cidade.


- Com certeza, o aumento da procura por vagas em hotéis da Barra e região se dá por conta do UFC 142. Não há outra razão para termos um incremento na média de ocupação deste período, porque estamos tendo um verão de chuva e dias nublados - afirma Alfredo Lopes, que ressalta que o sucesso da primeira edição carioca motivou os amantes de MMA a continuarem vindo para a cidade.

- A organização e a boa disponibilidade de hotéis, em julho de 2011, fez com que o Rio passasse a reforçar a sua imagem junto à este público amante de lutas. Hoje, a pessoa fã de MMA que não mora aqui sabe que encontrará ótimas condições para acompanhar o evento.


O presidente da ABIH-RJ lembra também que o Rio segue expandindo sua rede hoteleira em função da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016, quando a cidade terá à sua diposição mais 10.800 quartos.
- Temos 5.800 quartos em construção para serem entregues até 2014 e mais 5 mil para estarem prontos até 2016, atendendo a um pedido do Comité Olímpico Internacional (COI) - conclui Alfredo Lopes.


Último dia de venda de ingressos pela internet
Apesar da grande procura de quartos na rede hoteleira carioca, ainda há cerca de 500 ingressos disponíveis. Nesta sexta-feira, as vendas acontecem somente pelo siteingresso.com, onde as entradas variam entre R$ 500 e R$ 1.600.


A partir deste sábado, os ingressos estarão disponíveis apenas nas bilheterias da Arena Barra. O início do evento está marcado para às 22h, o que, para o diretor internacional do UFC, Marshall Zelazdnik, não será um empecilho para a presença de um grande público.


- Os fãs brasileiros estão prontos para fazer uma festa até tarde conosco. Vai ter um início mais tardio, mas não estamos preocupados. Os ingressos têm vendido bem - destacou Zelazdnik.
Neste sábado, José Aldo defende o cinturão peso-pena contra o americano Chad Mendes na luta principal do UFC 142, no Rio de Janeiro. A TV Globo e o canal Combate transmitem ao vivo, e o SPORTV.COM acompanha tudo em Tempo Real. O evento contará ainda com o duelo entre Vitor Belfort e o também americano Anthony Johnson, pelos pesos-médios.
* Colaborou Adriano Albuquerque


veja também