MENU

Renan x Lucas: em Floripa, joias duelam e sonham com a Copa de 2014

Renan x Lucas: em Floripa, joias duelam e sonham com a Copa de 2014

Atualizado: Quinta-feira, 12 Maio de 2011 as 10:14

A partida desta quinta-feira, entre Avaí e São Paulo, além de valer uma vaga na semifinal da Copa do Brasil, colocará frente a frente dois atletas que, apesar da pouca idade, já são realidades nas suas equipes. O goleiro Renan tem 20 anos e é uma das esperanças da torcida catarinense para parar o ataque tricolor, que ganhou o reforço de Lucas, de 18 anos. O meia que, após cinco rodadas fora por causa de um estiramento muscular na coxa direita, tem presença garantida entre os titulares na partida que será realizada no estádio da Ressacada, em Florianópolis, a partir das 21h50m.

Renan, do Avaí e Lucas, do São Paulo, são dois destaques da decisiva partida que será realizada nesta quinta, em Florianópolis, pela Copa do Brasil (Foto: Marcelo Prado / Globoesporte.com e Agência Vipcomm)

  As duas joias foram reveladas nas categorias de base de seus times e têm uma particularidade: já foram convocados pelo técnico da Seleção Brasileira principal, Mano Menezes. O primeiro foi chamado para o amistoso contra os Estados Unidos, realizado em New Jersey em agosto do ano passado. O segundo integrou a lista dos atletas que disputaram o duelo contra a Escócia, no dia 27 de abril, em Londres. Ambos devem integrar também a relação dos jogadores que vai disputar a Olimpíada de 2012 e sonham com a Copa do Mundo de 2014, que será no Brasil.

Será o primeiro duelo da dupla, já que Lucas estava machucado na partida do Morumbi. Do lado de fora, viu Renan brilhar com grandes defesas, uma incrível em cabeçada do zagueiro Alex Silva no primeiro tempo. Apesar da pouca idade, o camisa 1 do Avaí esbanja personalidade e diz que tudo o que fez no primeiro duelo faz parte do passado.

- Foi uma bela exibição, mas é para guardar, esquecer. Agora é pensar no jogo de quinta, e a minha responsabilidade é tão grande como a de qualquer companheiro. Os três da frente do São Paulo são excelentes jogadores, muito rápidos. É entrar em campo marcando em cima e impondo o nosso ritmo. O principal será jogar com a consciência de que não será fácil, mas dentro da Ressacada nossa equipe é muito forte – avisou o camisa 1.

Do lado são-paulino, Lucas volta para alívio do técnico Paulo César Carpegiani. O camisa 7 fez muita falta já que, além de sua qualidade, o treinador sofria com a falta das peças de reposição da mesma característica. O garoto não esconde a ansiedade em voltar a jogar, até porque a Copa do Brasil é a chance mais próxima de conquistar o seu primeiro título como profissional. E a torcida espera poder ver novos gols da joia, como o marcado contra o Mirassol, quando fez um golaço.

- Estou me sentido super bem. Estou pegando firme no treino físico para voltar 100%. Todo o nosso time está numa expectativa muito boa. Sabemos da nossa qualidade. Vamos para cima do Avaí para buscar esta vaga na semifinal. Título é sempre o topo para o jogador. Seria o meu primeiro aqui no profissional do São Paulo e teria um sabor muito especial. O São Paulo nunca conquistou este torneio. A expectativa é muito boa e todos nós estamos confiantes e acreditando – ressaltou.

Diferenças em relação ao futuro

Quando o assunto é o futuro, Renan e Lucas percorrem caminhos diferentes. O goleiro tem contrato com o Avaí até o fim de 2012 e a sua renovação de contrato já virou uma novela. Atualmente, ele ganha R$ 3,8 mil e a diretoria catarinense já chegou a oferecer R$ 30 mil mensais, o que não foi aceito pelo camisa 1 e seus procuradores. O são-paulino está tranquilo, pois acertou um novo vínculo recentemente, passando a ganhar R$ 100 mil mensais e se tornando o atleta com a multa rescisória mais cara do futebol brasileiro: € 80 milhões (R$ 185 milhões).      

veja também