MENU

Renato Gaúcho reúne jogadores em mobilização para enfrentar peruanos

Renato Gaúcho reúne jogadores em mobilização para enfrentar peruanos

Atualizado: Terça-feira, 1 Março de 2011 as 9:21

Antes do treino da tarde desta segunda-feira, Renato Gaúcho reuniu-se com os jogadores do Grêmio na sala de conferências do Estádio Olímpico. Cortinas fechadas, área restrita ao grupo profissional, o treinador gremista buscou mobilização para o confronto da próxima quinta-feira.

Às 20h15m o Grêmio receberá o León de Huánuco-PER, pela terceira rodada do Grupo 2 da Taça Libertadores. As reuniões em vésperas de grandes jogos são rotineiras desde que Renato chegou ao clube, em agosto do ano passado.

Segundo Rodolfo, Renato utiliza sua trajetória vencedora no Grêmio como jogador para exemplificar o comportamento esperado pela torcida.

- O Renato citou um caso aqui: quem está no Grêmio tem que mostrar por que está no Grêmio. Ele cita muito o exemplo do que ele foi como jogador, vitorioso dentro do campo com o Grêmio. Ele está do outro lado agora, querendo conquistar títulos como treinador - revelou.

Rodolfo disse ainda que Renato também sugeriu descanso ao grupo:

- A prioridade agora é o descanso, ele deixou isso bem claro na reunião. Nos deixou bem tranquilo, valorizou bastante a vitória sobre o Cruzeiro. O jogo de quinta é uma nova história, os jogadores têm tempo para descansar, passar um pouco com a família. Isso é importante, nessa rotina de jogos, concentração, hotel.

Gilson, lateral-esquerdo titular, também falou sobre a reunião desta segunda-feira. Renato pede que a motivação torne-se determinação em campo.

- O Renato falou que é uma decisão. Eu não conhecia esse clube, mas não tem um mais fraco no grupo. Quem está ali é porque representa um país. O Junior Barranquilla também não tem muita tradição na Libertadores e sofremos um pouco. Temos que entrar determinados e correr muito - contou.    

veja também