MENU

Rendimento de Sorondo e volta de Bolívar aumentam disputa na zaga

Rendimento de Sorondo e volta de Bolívar aumentam disputa na zaga

Atualizado: Sexta-feira, 25 Fevereiro de 2011 as 3:12

Índio é uma das referências da história recente do Inter. É figura ativa nos maiores títulos do clube. Bolívar é o líder máximo do elenco e o capitão do time. Sorondo vem sendo o atleta mais seguro do sistema defensivo. E Rodrigo é aposta forte da diretoria. Nas próximas duas semanas, o técnico Celso Roth precisará definir qual será sua dupla de zaga titular para a Libertadores. A disputa é forte.

Índio e Sorondo formaram o miolo da defesa nos dois primeiros jogos da competição continental. A questão é que agora o treinador terá o retorno de Bolívar, em fase final do processo de recuperação de artroscopia no joelho esquerdo. Em tese, ele será titular, mas a dúvida é quem sai.

Em princípio, seria Sorondo. O uruguaio, porém, começou bem o ano. Pode sobrar para Índio.

- Cada ano é diferente. Sempre treinamos da mesma maneira, da mesma forma, procurando o momento de ser utilizado. Aqui, todo mundo procura dar 100%. Se tenho que jogar ou não, vou treinar da melhor forma – disse Sorondo.

No ano passado, em Abu Dhabi, depois do fracasso contra o Mazembe, dirigentes sinalizavam que Bolívar e Rodrigo eram os favoritos para começar o ano como titular. Porém, a demora em conseguir regularização acabou atrapalhando o ex-jogador do Grêmio, e o capitão do time sofreu a lesão no joelho. As previsões foram desfeitas, e agora a briga ficou ainda mais acirrada.

A ideia de Celso Roth é ter Bolívar à disposição para o próximo jogo pela Libertadores, dia 16 de março, na Bolívia, contra o Jorge Wilstermann. O treinador também diz que Rodrigo está em condições físicas e técnicas para disputar lugar na equipe.    

veja também