MENU

Resultados ajudam e Fla passa para as oitavas

Resultados ajudam e Fla passa para as oitavas

Atualizado: Sexta-feira, 23 Abril de 2010 as 12

Após as vaias por não conseguir fazer dois gols de diferença diante do Caracas (o Flamengo venceu por 3 a 2, no Maracanã), uma quinta-feira perfeita garantiu a vaga rubro-negra nas oitavas de final da Libertadores. Primeiro, o Grupo 5 se encerrou com uma vitória do Internacional sobre o Deportivo Quito, por 3 a 0, em um jogo, que só não podia dar empate.

Na outra partida, o Cerro, do Uruguai, precisava vencer o Emelec, do Equador, por três gols de diferença, no estádio Centenário, em Montevidéu, mas ficou no 0 a 0. Por fim, o Racing, também do Uruguai, foi a Assunção precisando de uma diferença de quatro gols sobre o Cerro Porteño e, assim como aconteceu com seus conterrâneos, não saiu do zero. Na disputa entre os segundos colocados, o Deportivo Quito terminou com os mesmos 10 pontos do Rubro-Negro, mas com um saldo de gols inferior à equipe brasileira. O Racing foi o pior segundo colocado com apenas oito pontos.

Emelec segura o Cerro em Montevidéu

No primeiro tempo, o Cerro sempre teve mais a posse de bola, mas pouco incomodou a equipe do Emelec. Apenas aos 43 minutos, o time uruguaio foi mais efetivo. Mora cobrou falta na área, Pellejero pegou a sobra e chutou firme. O goleiro espalmou e, no rebote, Mello tocou para o fundo da rede, mas, em posição irregular. O gol acabou sendo anulado.

O Cerro foi todo para o ataque na etapa final, mas erros no último passe e nas finalizações faziam a classificação ficar cada vez mais distante. A expulsão de Suárez aos 31 não ajudou nem um pouco. E, quatro minutos depois, parecia que o Emelec abriria o placar. Quiróz partiu livre, foi derrubado pelo goleiro dentro da área. Muito longe da jogada, o árbitro preferiu assinalar uma simulação e expulsar o atacante do time equatoriano. O placar ficou mesmo em branco no Centenário.

veja também