MENU

Ricardinho joga a toalha com relação à seleção brasileira: 'Acabou'

Ricardinho joga a toalha com relação à seleção brasileira: 'Acabou'

Atualizado: Quarta-feira, 4 Agosto de 2010 as 2:38

Fora da lista de convocação para o Mundial de Vôlei da Itália anunciada na semana passada pelo técnico Bernardinho, o levantador Ricardinho perdeu de vez as esperanças de voltar a ser chamado. Como no próximo Mundial ele já estará com 38 anos, o levantador reconhece que não tem mais chances de retornar à seleção, onde conquistou vários títulos.

- Tem mais quatro anos para chegar outro Mundial, quer dizer no ano que vem tem outro grupo. Claro que continuo jogando pelo Vôlei Futuro, com meu contrato, jogando voleibol, que é a coisa que eu mais amo fazer, mas acredito que Ricardinho e seleção brasileira, acabou - disse.

Ricardinho procurou não alimentar polêmicas e entender o lado de Bernardinho:

- Depois que saiu a convocação eu já entendi realmente o recado. Ele é o técnico e decidiu dessa forma, tem os motivos dele. Encaro com "supernaturalidade": ou você é convocado ou não é.

Ele nega que haja mágoas com o treinador:

- Imagina. Desde o começo, depois que deu aquilo tudo em 2007, a gente voltou a se falar e o meu objetivo era realmente voltar a falar principalmente com a comissão técnica e com alguns jogadores para pelo menos poder se cumprimentar, olhar um na cara do outro. Então, isso eu consegui. Mágoa nenhuma.

Apesar disso, a notícia da não-convocação não foi fácil de digerir:

- Você tem de ser forte, tem que ser um cara durão, como eu costumo dizer, para você aguentar e saber que isso faz parte do esporte, da profissão, e levantar a cabeça.

veja também