MENU

Rivaldo festeja estreia no Morumbi: 'O coração está feliz demais'

Rivaldo festeja estreia no Morumbi: 'O coração está feliz demais'

Atualizado: Sexta-feira, 4 Fevereiro de 2011 as 8:54

A primeira amostra foi dada no treino de terça-feira, com um gol marcado do meio de campo. E, nesta quinta-feira, Rivaldo mostrou que, aos 38 anos, ainda tem muita lenha para queimar. Com um golaço, dois chapéus, ótimos passes e 90 minutos disputados, o camisa 10 reconheceu ao final do jogo que a estreia foi muito melhor do que ele próprio esperava.

- Poder estrear com um gol, com uma vitória e sair de campo recebendo aplausos da torcida é bom demais. Fico muito feliz porque o jogo estava difícil, mas conseguimos reagir e sair de campo com o resultado positivo. O coração está feliz demais. Agradeço ao São Paulo por ter me contratado. Vou procurar sempre honrar essa camisa – ressaltou o jogador, que deixou o gramado do estádio do Morumbi ovacionado pelos 14.483 torcedores presentes.

O camisa 10 já estava com saudade de comemorar um gol. O último havia sido no dia 4 de agosto do ano passado, quando ele ainda defendia o Bunyodkor. Ele contou como foi o tento marcado aos 10 minutos do segundo tempo.

- Quando a bola veio do Dagoberto, eu controlei a bola bem na coxa e consegui me livrar do zagueiro. Depois, foi só tirar do zagueiro para comemorar. Comemorar gol é sempre muito bom - ressaltou

O meio-campista surpreendeu pelo fato de ter suportado os 90 minutos da partida. Inclusive, mostrando um face que muitos não conheciam, já que ele atuou como volante no segundo tempo.

- Eu sempre me cuidei, tenho bom preparo. É para isso, para jogar o tempo todo. Se depender de mim, estarei em campo no domingo, contra o Botafogo. No intervalo, o Carpegiani conversou comigo e perguntou se eu poderia fazer esse papel de volante. Me coloquei à disposição, fiquei mais recuado, mas pude ajudar com os meus companheiros – lembrou.

Por: Marcelo Prado

veja também