MENU

Rivaldo vê 10 como presente, celebra ajuda de Ceni e diz: 'Vou para o pau'

Rivaldo vê 10 como presente, celebra ajuda de Ceni e diz: 'Vou para o pau'

Atualizado: Sexta-feira, 28 Janeiro de 2011 as 4:44

Após ser apresentado no campo do CT de Cotia, na manhã desta sexta-feira, Rivaldo deu a primeira entrevista coletiva como reforço do São Paulo. O reforço, cercado de dirigentes do Tricolor, admitiu que considerou o convite de Rogério Ceni uma brincadeira, reforçou que segue como presidente do Mogi Mirim e não tem medo de vestir a camisa 10. Confira os principais trechos.     Convite de Ceni para jogar no São Paulo

"Naquele domingo do jogo entre São Paulo e Mogi o Rogério, dentro do vestiário, conversou comigo e perguntou se queria jogar no São Paulo. Achei que era brincadeira. Depois ele falou  comigo fora do vestiário. E aí eu já estava falando com o Milton (Cruz) e com o presidente. Agradeço ao Ceni por isso, é um grande companheiro de Copa. Não esperava que isso tudo aqui hoje pudesse acontecer".

Jogador do São Paulo e presidente do Mogi Mirim

"Continuo como presidente a não ser que alguma lei me proíba, serei presidente lá e jogador aqui. São situações diferentes. Respeito quem acha que não é algo interessante, mas se eu saísse acabaria me envolvendo da mesma forma, o que seria igual. Saio se for lei, pois respeito, mas essa não é minha intenção".

Dono da 10

"É uma honra jogar com a 10 do São Paulo. Nunca tive medo de jogar com ela, é a camisa com mais responsabilidade, mas para quem jogou duas Copas está tranquilo. Estou pronto e mesmo com 38 anos vou para o pau".

Pronto para jogar e com fôlego de menino

"Já estou à disposição hoje. Claro que o treinador conversou comigo que não vou participar deste jogo de domingo, seria até falta de ética chegar e jogar logo. O time foi bem no jogo passado. Eu estou bem e vou jogar tranquilamente todas as partidas que o técnico precisar. Quando um time ganha tudo fica fácil, mas quando perde dizem que o jogador está cansado por causa da idade. Sempre vou estar pronto. Se estiver cansado peço pra sair".

Jogando na criação

"Conversei um pouco com o Carpegiani e disse que gostaria de ser um 10 como fui toda a vida: sem posição fixa ali no meio, para tentar armar e fazer jogadas de gols do São Paulo".

Vetado em um suposto jogo contra o Mogi

"O presidente Rivaldo pediu para o jogador Rivaldo não atuar contra o Mogi. Não pensei ainda em como seria um confronto".

Sem festa, mas com muita mídia

"Não esperava toda essa imprensa atrás de mim nesta apresentação hoje. O interesse do São Paulo foi um presente de Deus. É um dos melhores clubes do mundo, com uma estrutura que não vi em outros grandes. Estar aqui me motiva. Adoro jogar e mesmo com 38 anos estou bem, vocês vão ver em campo. Não esperava festa como na apresentação do Ronaldinho Gaúcho (no Flamengo), até porque sou um cara reservado, festa não combina comigo, o que aconteceu aqui hoje já foi uma festa para mim".

Rejeição de Felipão no Palmeiras

"Não é o momento de entrar em polêmica, falar de Palmeiras. Eu não tenho que mostrar nada pra ninguém, nem pro Felipão, que me conhece da Copa e do Uzbequistão. Ele é um grande treinador, me levou para o Mundial. O Palmeiras nunca teve interesse em mim, e ele disse que não queria, o que é normal, ele é o treinador. O que eu tenho é que fazer o melhor aqui e esquecer os outros times".

Desculpas ao torcedor do Mogi e expectativa de futuro melhor para o clube

"Tudo aconteceu muito rápido e até peço desculpas aos torcedores do Mogi. Eu esperava vender 10 mil carnês de ingressos lá e vendi 400. Mas também pensei no Mogi, pois essa parceria vai ajudar muito o time. Poder colocar o Mogi aqui dentro do São Paulo não é para qualquer um. Jogadores de lá poderão vir para cá e vice-versa. Temos nosso campo para 30 mil pessoas, que o São Paulo pode usar quando quiser. Os torcedores do Mogi que ficaram chateados comigo vão me agradecer no futuro".

Vai pagar bicho para o Mogi se tiver um suposto jogo contra o São Paulo?

"É complicado (risos), como eu posso falar? Vamos deixar esse assunto mais pra frente, não sabemos o que vai acontecer, aí vamos ver se tem bicho ou não".

veja também