MENU

Rivalidade com a Itália é assunto entre os jogadores da Seleção Brasileira

Rivalidade com a Itália é assunto entre os jogadores da Seleção Brasileira

Atualizado: Quinta-feira, 21 Outubro de 2010 as 4:45

Nas quartas de final do Grand Prix de Futsal, o Brasil terá pela frente a Itália, tradicional adversária. Os jogadores da Seleção Brasileira esperam um confronto equilibrado e com muita rivalidade. No Mundial do Rio, em 2008, o clima esquentou entre os jogadores e o técnico Marcos Sorato acabou sendo agredido na ida para o intervalo daquela partida, vencida pelo Brasil por 3 a 0.

- Existe a rivalidade dos brasileiros, que de repente não tiveram tanto sucesso aqui no país e acabaram conseguindo ir bem na Itália, conseguindo a dupla cidadania. No Mundial do Rio, ficou uma pontinha de rivalidade e teve até confusão no jogo. Tudo bem que são competições diferentes, mas a rivalidade ainda vem à tona - disse o goleiro Tiago.

O fixo Vinícius destacou que, apesar da rivalidade, o clima para o duelo pelo Grand Prix é bem diferente daquele do Mundial do Rio.

- Acredito que a vontade de ganhar será a mesma do Mundial, mas muitos jogadores daquela partida não estão aqui hoje. Não existe nenhum sentimento ruim em relação a Itália. É mais um adversário e eu espero que eles também não tenham nenhum sentimento de vingança - ressaltou.

O elenco italiano conta com sete brasileiros naturalizados no elenco. Por isso, Vinícius aposta num jogo competitivo.

- Os brasileiros competem de uma maneira diferente. Acho que vai ser um jogo mais aguerrido e disputado do que com as outras seleções. A postura da nossa equipe será a mesma da primeira fase e precisamos jogar com seriedade e inteligência.

O Brasil encara a Itália nesta quinta, às 18h, com transmissão ao vivo do SporTV.

Por: Igor Christ

veja também