MENU

Ronaldo critica arbitragem e se irrita com assédio dos repórteres

Ronaldo critica arbitragem e se irrita com assédio dos repórteres

Atualizado: Segunda-feira, 18 Outubro de 2010 as 8:49

Depois de quase 40 dias sem atuar, Ronaldo voltou a campo neste domingo, no Brinco de Ouro da Princesa (Campinas). E, mesmo ainda sem a mobilidade ideal, foi um dos protagonistas do empate entre Guarani e Corinthians (0 a 0), com dois gols anulados no primeiro tempo e uma grande oportunidade desperdiçada na etapa final. Após o jogo, cercado pelos jornalistas no gramado, o atacante reclamou bastante da arbitragem.

- Falar o que (da arbitragem), meu Deus... A gente está lá para fazer o gol, mas hoje a arbitragem foi péssima. No meu modo de ver, foram dois gols anulados. Enfim. Está todo mundo sujeito (a erros) - afirmou.

O primeiro lance polêmico ocorreu logo aos quatro minutos. Após cruzamento de Roberto Carlos, Ronaldo dividiu com o goleiro Douglas, e a bola entrou. Mas o auxiliar Ednilson Corona marcou toque no braço do Fenômeno. Aos 19 minutos, o mesmo bandeirinha apontou impedimento do Fenômeno, que completou para a rede após cruzamento de Moacir. Mas o camisa 9 estava na mesma linha do último defensor.

No segundo tempo, Ronaldo teve uma participação mais discreta, mas apareceu aos 25 minutos, cabeceando uma bola rente à trave esquerda.

- Se fosse melhor tecnicamente de cabeça... Esse é realmente gol perdido. Mas os outros foram feitos, mas não validados. Não foi o melhor possível, mas está bom - disse o atacante, considerando que "houve uma evolução da atitude do time".

Apesar de conceder entrevista, Ronaldo mostrou irritação com o assédio dos jornalistas. E depois de reclamar da proximidade dos repórteres, encerrou a entrevista de forma repentina, indo para o vestiário, reclamando que um professional havia 'gritado' no seu ouvido.

veja também