MENU

Santistas ressaltam força do elenco alvinegro após triunfo no Paraguai

Santistas ressaltam força do elenco alvinegro após triunfo no Paraguai

Atualizado: Sexta-feira, 15 Abril de 2011 as 12:44

A vitória sobre o Cerro Porteño-PAR, por 2 a 1, na última quinta-feira, em Assunção, redimiu o Santos. De um time quase eliminado, o Peixe passou a depender de uma vitória contra o Deportivo Táchira-VEN, que já está fora, na próxima quarta-feira, no Pacaembu, para avançar às oitavas de final da Taça Libertadores. O triunfo serviu ainda para o técnico Muricy Ramalho e os jogadores santistas tecerem elogios à qualidade do elenco alvinegro.

Até o início do confronto contra os paraguaios, o Santos era um time sob extrema desconfiança. Se perdesse no Paraguai estaria eliminado. Até o empate seria muito ruim, pois daria a Cerro e Colo Colo-CHI a chance de jogarem por um empate entre si na última rodada. Para piorar, o Peixe entrou em campo sem Neymar, Elano e Zé Eduardo. Expulsos contra o Colo Colo, quarta-feira retrasada, eles tiveram de cumprir suspensão automática.

No entanto, o time, mesmo sem Elano, contou com um meio de campo bem dinâmico, com Danilo e Arouca se desdobrando para marcar e tirar o time de trás, dando liberdade para Ganso armar as jogadas. Na frente, Keirrison, substituto de Zé Eduardo, praticamente não apareceu, mas Maikon Leite, que entrou no lugar de Diogo (ambos ocuparam o posto de Neymar), ainda no primeiro tempo, deu conta do recado, marcando o segundo gol e dando sufoco nos paraguaios com intensa velocidade.

- Claro que Neymar, Elano e Zé fazem falta para qualquer equipe. Mas os jogadores que entraram foram guerreiros - comentou Danilo, que abriu o placar com uma bomba de esquerda.

Muricy Ramalho, por sua vez, também acha que tem um elenco qualificado nas mãos. O que faltam são pequenos ajustes.

- Quem entrou foi muito bem. Tínhamos as dificuldades de termos perdido os três expulsos e ainda entramos em campo com outros três que ainda não estão na melhor forma (Jonathan, Arouca e Diogo voltaram após se recuperarem de lesões). O time respondeu à altura e mostrou que nosso elenco é qualificado. Claro que faltou um pouquinho de cuidado no final, quando levamos o gol. Mas é algo que podemos corrigir.      

veja também