MENU

Santos recebe o Corinthians, em mais uma edição do 'clássico da moda'

Santos recebe o Corinthians, em mais uma edição do 'clássico da moda'

Atualizado: Segunda-feira, 4 Julho de 2011 as 11:24

No Campeonato Paulista, Corinthians venceu o Santos de Falcão por 4 a 1,

 em plena Arena Santos. Time da Vila Belmiro quer a vingança no

duelo desta noite (Foto: Ricardo Saibun / Santos FC-Divulgação)

  Rivalidade mais acirrada do futebol paulista no atual momento, Santos e Corinthians vivem novo capítulo do Clássico Alvinegro, nesta segunda-feira. Só que, desta vez, o confronto é nas quadras. Líder da Liga Futsal 2011, com 90% de aproveitamento, o Santos recebe o Corinthians na Arena Santos, nesta segunda, às 19h15m, com transmissão ao vivo do SporTV .  Uma das duas equipes a derrotar o Peixe nesta temporada, o Timão quer repetir a façanha obtida no último clássico, quando bateu o rival por 4 a 1, no último dia 25 de junho, em plena Arena Santos, em partida válida pelo Campeonato Paulista.

- Saímos com a vitória naquele confronto porque erramos muito pouco na partida, graças à nossa dedicação dentro de quadra - afirma o pivô corintiano Caio Júnior, autor de sete gols na Liga Futsal deste ano. - No duelo desta segunda-feira, temos que entrar com a mesma determinação e buscar errar pouco, assim como foi há duas semanas. Criando chances de gol, temos que aproveitá-las, pois o time deles é muito forte.     Natural de Caxias do Sul (RS), Caio está no Corinthians desde fevereiro deste ano. Já ambientado no novo clube, ele reconhece que o Santos atualmente é o maior rival do Timão em todos os esportes.

- A rivalidade com o Santos, com certeza, é a maior. Era uma rivalidade que já existia e que foi reforçada na final do Campeonato Paulista de futebol deste ano - lembra ele, que ressalta a cobrança por um resultado positivo. - Jogar no Corinthians, por si só, já representa uma grande cobrança, mas enfrentar um rival do porte do Santos a cobrança é maior ainda - completa ele.

Título paulista de 1984 fez Falcão virar santista

Maior jogador de futsal do mundo, o ala santista Falcão diz sentir-se orgulhoso em poder disputar o Clássico Alvinegro. Santista desde a infância, ele espera que, assim como no futebol, Santos e Corinthians também decidam muitos títulos nas quadras.

- Para mim, é um orgulho ser um dos protagonistas deste clássico. Santista que sou, ver a torcida do Santos gritando nosso nome, inflamada em um clássico contra o Corinthians, me deixa muito feliz. Espero que esse clássico, que só está começando nas quadras, dure por muito mais tempo - diz o camisa 12 do Peixe.

O Brasileiro de 2002 é citado por Falcão como sua maior

emoção como torcedor (Foto: Santos FC/Divulgação)

  Apesar de ter chegado ao Santos esse ano, a relação de Falcão com o clube da Vila Belmiro já vem de longa data. Santista desde a infância, ele cita dois momentos do clássico como os mais marcantes de sua vida de torcedor: os títulos Paulista de 1984 e o Brasileiro de 2002, ambos ganhos em cima do maior rival.

- Minhas maiores emoções foram em 1984 e em 2002. Na primeira, estava na casa do meu avô, ainda indeciso para qual equipe torcer. E vi o Serginho Chulapa marcar aquele gol, naquela decisão do Paulista. A partir daí, não tive mais dúvidas e me tornei santista. Em 2002, foi o momento mais marcante. Estava com o Enzo, meu filho mais novo, no colo e vi aquelas pedaladas do Robinho e o gol de direita do Léo. Não consigo esquecer estes lances e comemorei muito o feito daqueles meninos - destaca o ala, referindo-se ao segundo jogo da decisão do Brasileiro daquele ano, quando o Santos bateu o Timão por 3 a 2, no Morumbi.

Torcedor santista que é, Falcão sabe da importância de uma vitória no confronto desta segunda-feira. Mesmo com as duas equipes classificadas para a segunda fase, ele acredita que o grupo do Peixe virá motivado a vingar-se da derrota para o Timão no Paulista, um dos dois únicos reveses do time na temporada.

- De certa maneira, estaremos motivados a vencer ainda mais. Perdemos deles em um dia que tinha tudo para ser perfeito: ginásio lotado, torcida apoiando e festa com a conquista do tri da Libertadores. Infelizmente, perdemos após um gol que não existiu e também enfrentamos um goleiro inspirado. Em quadra, não fomos felizes. Agora, esperamos o mesmo apoio dos santistas na Arena Santos, para que possamos sair de quadra, desta vez, com uma vitória.

Apesar das críticas à arbitragem da derrota para o rival, ele elogia a qualidade da equipe corintiana.

- É uma equipe muito forte, que tem um treinador experiente (PC Oliveira) e que consegue levar suas equipes a ótimos resultados. Além disso, o Corinthians tem excelentes jogadores, como o Simi, que é diferenciado e de seleção. E também é um clube de tradição e que está acostumado a vitórias - finaliza ele, autor de 20 gols, em 19 jogos disputados na Liga Futsal 2011.

O SporTV transmite Santos x Corinthians, nesta segunda-feira, a partir das 19h15m, com narração de Odinei Ribeiro e comentários de Marcelo Rodrigues.            

veja também