MENU

Santos segue atrás de reforços, mas agora apenas para completar elenco

Santos segue atrás de reforços, mas agora apenas para completar elenco

Atualizado: Quarta-feira, 20 Julho de 2011 as 5:28

Alan Kardec e Ibson: reforços 'internacionais' do

Peixe (Foto: Marcos Ribolli/Globoesporte.com)

  Nos últimos dias, quatro novos jogadores foram contratados pelo Santos (Ibson, Henrique, Alan Kardec e Leandro Silva) e a diretoria alvinegra ainda segue atrás de reforços. Agora, porém, nada de nomes mais importantes. O Peixe trará atletas de menor cartaz apenas para compor elenco. Durante a abertura da janela brasileira para contratações "internacionais", o Alvinegro Praiano tirou Ibson do Spartak-RUS e obteve o empréstimo de Alan Kardec, que é do Benfica. O período para transferências de atletas que vêm do exterior se encerra nesta quarta. No entanto, os clubes podem continuar reforçando seus elencos com  gente do mercado interno.

O clube procura opções para a lateral-esquerda e para o ataque, principalmente. A ala é a posição mais carente, já que Léo fica sem reserva com a saída de Alex Sandro para o Porto-POR.     - De fora, não vem mais ninguém, mas ainda precisamos complementar o nosso elenco. Diretoria e comissão técnica estão analisando as possibilidades, mas de forma geral, a base é essa que temos hoje - afirmou o diretor de futebol do Santos, Pedro Luiz Nunes Conceição, que garantiu: o Alvinegro Praiano não perderá jogadores para clubes europeus durante a janela.   

Até o momento, vieram para a disputa do Brasileirão, seis jogadores. Além dos quatro recém-chegados, o Santos trouxe os atacantes Borges e Rychely ainda durante a disputa da Taça Libertadores. Por outro lado, saíram o lateral-direito Jonathan, o esquerdo Alex Sandro, além dos atacantes Maikon Leite, Zé Eduardo e Keirrison (este segue treinando no CT Rei Pelé, mas está fora dos planos do técnico Muricy Ramalho. Seu contrato expira no próximo dia 31). O volante Danilo está vendido para o Porto, mas permanecerá no Peixe até a disputa do Mundial Interclubes, em dezembro.

- O mais importante é que estamos procurando manter um grupo forte para a disputa do Brasileiro e também do Mundial - completou o dirigente.            

veja também