MENU

Saudosista, Juninho Pernambucano convoca torcida para quarta-feira

Saudosista, Juninho Pernambucano convoca torcida para quarta-feira

Atualizado: Terça-feira, 25 Outubro de 2011 as 12:14

Juninho em treino no Vasco

(Foto: Ivo Gonzalez /Globo) O Vasco sabe que a missão de conseguir a classificação para as quartas de final da Copa Sul-Americana contra o Aurora é difícil - o primeiro jogo terminou 3 a 1 para os bolivianos. No entanto, em São Januário os jogadores contam com um trunfo: o apoio da torcida. Para lotar o Caldeirão, a diretoria reduziu o preço dos ingressos . Já confirmado na equipe, o ídolo Juninho Pernambucano aproveitou a oportunidade para convocar os vascaínos e fazer com que ele sinta algo que não fez parte de sua realidade durante os anos que atuou pelo futebol do Qatar.

Juninho lembrou que um dos motivos que o fizeram aceitar a proposta do Vasco e retornar ao futebol brasileiro foi o calor da torcida. Ele lembrou que os jogos no Qatar eram para públicos muito pequenos e sem a empolgação comum nos estádios brasileiros.

- No Qatar não tinha uma média alta de público. Voltei sonhando com isso e a gente precisa deles nessa reta final. Vão fazer toda a diferença - resumiu.

Mas Juninho ainda foi além. Segundo o jogador, o comportamento da torcida do Vasco estava estranho na época do seu retorno. O jejum de títulos durava desde 2003 e os vascaínos estavam desconfiados, pressionando o time desde o primeiro minuto. A mudança veio com o título da Copa do Brasil e com o fato de o time ter mantido um alto nível de atuações no Brasileiro mesmo após a conquista.

- A torcida vascaína estava com saudade de ver um time competitivo, que brigasse como nós estamos brigando. Nos jogos em São Januário a cobrança era imensa, mas isso mudou. Recuperamos esse apoio. Eu via antes a torcida do Corinthians, por exemplo. Quando o time sofria um gol quem não estava vendo tinha a impressão de que tinha sido o contrário. Eles empurram o tempo todo. Agora temos isso de novo aqui - explicou.

Para conseguir a classificação, o Vasco precisa vencer por dois gols de diferença caso não sofra nenhum. Um novo 3 a 1 leva a disputa da vaga para os pênaltis. Se sofrer dois ou mais gols precisa vencer por três de diferença. Empate, derrota ou mesmo uma vitória por um gol classificam o Aurora. A partida acontece nesta quarta, às 19h10m (de Brasília), em São Januário. Pelo Campeonato Brasileiro, o Vasco volta a entrar em campo no próximo domingo, às 16h (de Brasília), também em São Januário. O clube é o líder do campeonato, com 57 pontos.        

veja também