MENU

Scheidt e Prada vão mal na terceira regata do Mundial e caem para 23ª posição

Scheidt e Prada vão mal na terceira regata do Mundial e caem para 23ª posição

Atualizado: Terça-feira, 19 Janeiro de 2010 as 12

Acostumados com ventos mais fortes, Robert Scheidt e Bruno Prada foram traídos pela natureza nesta segunda-feira, dia 18. A parceria foi surpreendida com rajadas fracas, oscilando entre 5 e 6 nós (9,2 km/h a 11,1 km/h), e chegou apenas na 50ª posição na terceira regata do Mundial de Star, no Rio de Janeiro. O resultado fez com que os brasileiros caíssem da 7ª para a 23ª colocação na classificação geral.

- Na semana passada, treinamos aqui com ventos médios, como gostamos de velejar. Infelizmente, isso mudou na semana do Mundial. De qualquer forma, porém, temos de melhorar. Largamos muito mal, no lado direito da raia. Depois, tivemos de ir mais para a direita e ficamos bem para trás. Tivemos chance de nos recuperar, mas não fizemos escolhas corretas. Precisamos arriscar mais nas largadas e ser mais agressivos - disse Scheidt.

Melhor na água, o barco francês do bicampeão mundial Xavier Rohart e de Pierre Ponsot dominou a prova desde a largada e venceu a regata. Segundo colocados, os ingleses Iain Percy e Andrew Simpson assumiram a liderança do Mundial. Já o terceiro lugar da disputa desta segunda-feira ficou com os brasileiros Renato Cunha e Marcos Mascarenhas. Alan Adler e Guilherme de Almeida terminaram na 11ª posição, mas mantiveram a vice-liderança geral.

A terceira regata do Mundial foi disputada em mar aberto, com percurso de 10,5 milhas náuticas (cerca de 19,4 km), em raia montada perto da Ilha Rasa. A correnteza, que arrastava os barcos para a linha de partida, atrapalhou o início da prova e apenas na quinta tentativa a largada foi considerada válida. Mesmo assim, quatro duplas foram desclassificadas por largar escapadas: João Marcos de Almeida/Alessandro Assis (BRA), Silvio Santoni/Fábio Toccoli (ITA), Francisco Siemsen/Manfredo Floricke (BRA) e Alexander Schlonski/Frithjof Kleen (ALE).

O Mundial de Star prossegue até esta quinta-feira, com mais três regatas. A quarta prova, novamente em mar aberto, será nesta terça-feira e tem largada prevista para 13h (de Brasília).

Classificação após três regatas:

1°- Iain Percy / Andrew Simpson (ING) - 15 pontos perdidos (2 + 11 + 2)

2°- Alan Adler / Guilherme de Almeida (BRA) - 22 pontos perdidos (6 + 5 + 11)

3°- Melleby / Petter (NOR) - 23 pontos perdidos (9+ 10 + 4)

4°- Fredrik Loof/John Tillander (SUE) - 35 pontos perdidos (8 + 9 + 18)

5°- Ross MacDonald (EUA) / André Lekszycki (BRA) - 37 pontos perdidos (10 + 13 + 14)

23°- Robert Scheid / Bruno Prada (BRA) - 72 pontos perdidos (3 + 10 + 50)

veja também