MENU

Segundo melhor da história, Liedson entra para seleto grupo no Timão

Segundo melhor da história, Liedson entra para seleto grupo no Timão

Atualizado: Quarta-feira, 9 Março de 2011 as 2:03

Apenas um jogador na história centenária do Corinthians teve aproveitamento melhor do que o conquistado por Liedson até aqui. O nome dele é Milani, atacante que vestiu a camisa alvinegra de 1941 a 1948 e balançou as redes nove vezes nos seis primeiros jogos. O atual camisa 9 vem na sequência, com oito gols no mesmo período, acompanhado de Luizão, centroavante do Timão de 1999 a 2002.

Segundo informações do Almanaque do Timão, do jornalista Celso Unzelte, o desempenho de Liedson deixa para trás outros atletas importantes, como Feitiço, Casagrande e De Maria, que fizeram sete gols em seis jogos, e Neco, Rueda, Zague, Silva, Válter, Beni, Filó e Gambinha, que foram às redes seis vezes nesse período. Mesmo diante de tal feito, Liedson mantém discurso humilde.

- Fico lisonjeado em ter uma marca dessa no Corinthians. Espero continuar marcando cada vez mais gols. Mas faço questão de lembrar, como sempre, que nada disso teria acontecido se não fosse a força do grupo – declarou o camisa 9 do Timão, em entrevista ao GLOBOESPORTE.COM .

O técnico Tite tem discurso parecido com o do atacante. Prefere valorizar o grupo a exaltar o desempenho individual do atacante, substituto do craque Ronaldo.

- É um jogador extremamente competitivo. E na fase que está, a bola bate e sobra para ele. Mas o Liedson só está fazendo esse sucesso por conta do grupo. Porém é claro também que está em evidência porque seu aproveitamento é altíssimo – discursou o comandante da equipe do Parque São Jorge. É fato, porém, que o retrospecto de Liedson, que só passou em branco no empate por 0 a 0 com o Paulista, impressiona. Ele mesmo está surpreso.

- Eu tive uma fase muito boa na temporada 2004/2005, no Sporting. Mas eu não me lembro de ter me tornado artilheiro tão rápido quanto aqui – falou Liedson, lembrando a temporada em que fez 35 gols pela equipe portuguesa.

Em 2003, na sua primeira passagem pelo Parque São Jorge, Liedson balançou as redes 22 vezes e saiu do clube com o título de campeão paulista. Essa bagagem adquirida lá atrás é vista por Tite como um dos motivos do sucesso atual.

- O Liedson deu certo no Corinthians porque é identificado com o clube e sabe da pressão que é. Ele absorveu rápido. E também porque tecnicamente é muito bom. Ele tem uma velocidade que casou com o estilo de jogo do Dentinho e do Jorge Henrique – comentou o treinador corintiano.

Nesta quarta-feira, contra a Ponte Preta, às 21h50m, pela 12ª rodada do estadual, Liedson será titular pela sétima partida consecutiva. E o duelo é no estádio do Pacaembu, onde ele anotou sete dos seus oitos gols até agora.    

veja também