MENU

Sem explicação, K9 diz que está passando por 'maré baixa'

Sem explicação, K9 diz que está passando por 'maré baixa'

Atualizado: Sábado, 26 Março de 2011 as 9:29

Concentrado para seu segundo jogo consecutivo como titular do Santos, domingo, às 18h30m (horário de Brasília), contra o Ituano, pelo Paulistão, o atacante Keirrison analisa os dois últimos anos de sua carreira e admite não conseguir achar uma explicação para tamanha queda. Fala apenas que está atravessando uma “maré baixa”.

Jogador pintou como um craque em 2008, quando foi artilheiro do Brasileirão pelo Coritiba. Contratado pelo Palmeiras, em 2009, também viveu boa se fase até ser vendido para o Barcelona. Ficou nisso.

Não disputou nenhuma partida pela equipe catalã (com a qual ainda tem contrato). Foi emprestado ao Benfica-POR (11 jogos e apenas dois gols, em amistosos) e depois para a Fiorentina-ITA (sete jogos e três gols). Em um ano, três clubes e nenhuma projeção. Emprestado ao Santos, em julho do ano passado, chegou para assumir a camisa 9. Pouca gente duvidava que o Peixe tivesse errado ao contratá-lo para assumir o lugar de André, vendido para o Dínamo de Kiev-UCR.

No entanto, Keirrison jamais emplacou na Vila Belmiro. Só está escalado para o jogo contra o Ituano porque o técnico interino da equipe, Marcelo Martelotte, não tem opção. Neymar está servindo à Seleção Brasileira. Zé Eduardo, suspenso. Diogo e Maikon Leite, vetados pelo departamento médico.

- Eu estou procurando buscar espaço, mas tive muitas dificuldades. É uma maré baixa que todo jogador passa. Todas as vezes que tenho oportunidades, tento fazer o máximo - diz.

Keirrison fala também que o futebol brasileiro está mais competitivo do que quando saiu, em 2009. Usa o Santos como exemplo. Lembra que começou 2010 como titular, mas quando Neymar voltou da Seleção Brasileira sub-20, ele acabou perdendo a posição.

- A cada momento, o nível do futebol aqui aumenta. Os atletas são qualificados e a concorrência é difícil.

Faltam quatro meses para o término de seu contrato com o Santos e Keirrison admite que não sabe o que fará depois. Nega que esteja negociando com o Atlético-MG, cujo técnico, Dorival Júnior, recomendou pediu sua contratação.

- Estou pensando só em cumprir o meu contrato. Depois, eu não sei. Fiquei sabendo do interesse do Atlético só pela imprensa.

veja também