MENU

Sem Messi, Argentina sofre e apenas empata com Costa Rica fora de casa

Sem Messi, Argentina sofre e apenas empata com Costa Rica fora de casa

Atualizado: Quarta-feira, 30 Março de 2011 as 9:55

O Lionel Messi que veste a camisa da Argentina não é aquele do Barcelona por inúmeros fatores, entre eles o entrosamento. Mas quando uma seleção já entra em campo sem inúmeros titulares, a ausência de seu maior craque é ainda mais latente. Com os promissores Gaitán, Pastore e Sosa comandando o ataque após decisão interna, os hermanos não encantaram a torcida da Costa Rica, que esperava um show do astro do Barcelona no abarrotado Nuevo Estádio Nacional, na noite desta terça-feira, na capital San José. O resultado? Um 0 a 0 sem muita empolgação.

A seleção do técnico Sergio Batista volta a campo somente em junho, em amistoso contra a Nigéria, em Abuja. No sábado, a Argentina já havia empatado, mas com os Estados Unidos, por 1 a 1, em Nova Jersey.

A polêmica sobre a escalação de Messi surgiu na última semana, quando se cogitou poupar o jogador, que vem de uma temporada quase sem descansos. A confirmação do veio na tarde desta quarta, com o presidente da AFA, Julio Grondona, e o treinador Sergio Batista alegando uma contratura muscular para justificar a ausência do astro do Barcelona. Segundo o Marca, da Espanha, ele é dúvida até para o confronto diante do Villarreal, sábado, pelo Campeonato Espanhol.

A Costa Rica, é claro, chiou. Torcedores que lotaram o estádio pagaram até US$ 500 (R$ 825) para ver o melhor jogador do mundo de perto. Especulou-se que o contrato do amistoso exigia a presença de ao menos cinco titulares, entre eles Messi, que deveria jogar 30 minutos. Como não cumpriu, a AFA teria deixado de arrecadar US$ 500 mil (R$ 825 mil). Julio Grondona negou. – Nem com Maradona existiria uma cláusula de recessão dessas – disse.      

veja também