MENU

Slater volta a liderar o ranking após 16 meses

Slater volta a liderar o ranking após 16 meses

Atualizado: Quinta-feira, 29 Abril de 2010 as 12

Um ano e quatro meses depois do eneacampeonato mundial, Kelly Slater está de volta ao topo do surfe. Ele, que chegou a Imbituba na vice-liderança, com o pé machucado, assumiu a ponta e nela se garantiu até pelo menos o dia 15 de julho, quando começa a etapa de Jeffreys Bay, na África do Sul. A façanha foi obtida ao derrotar justamente o sul-africano Jordy Smith, terceiro colocado, nas quartas de final da etapa brasileira do Circuito Mundial.

Quem veio para Imbituba ostentando o posto de número 1 do mundo foi o australiano Taj Burrow, campeão da Gold Coast e terceiro em Bells Beach. Mas o aussie sucumbiu na terceira fase, e deixou o caminho aberto para Slater. O americano que tocou o sino dava o primeiro passo para tocar o topo da lista.

- Já faz um tempo, hein - riu - Faz quase dois anos que não estava nessa situação. É bacana, embora não sinta que esteja surfando bem este ano.

Slater já tinha assumido a ponta no duelo das oitavas, contra o australiano Chris Davidson. Uma bateria em que as ondas demoraram a se formar, o americano fez valer sua experiência. Paciente, ficou 15 minutos à espera de sua primeira onda. Ganhou 4,56 e continuava em segundo - Chris tinha 5,50. A sete minutos do fim, o australiano tirou 5,83, mas o americano deu o troco com um 7,67, depois de fazer bom proveito de uma onda que parecia ter pouco potencial. No último minutos, Slater ainda trocou sua pior nota por 5,60.

- Sempre parece que, quando as coisas não vão bem, eu acabo arrumando um jeito de continuar me mantendo. Acaba ficando mais fácil. Serve como motivação para ver o que você está fazendo errado e melhorar.

Nas quartas, Slater viu as coisas melhorarem para ele. Arrancou um 8,60 ao acertar um belo aéreo. Jordy ficou precisando de uma nota 9,06 e se despediu na quinta colocação.

veja também