MENU

Só Zé Roberto pode impedir Falcão de repetir o time

Só Zé Roberto pode impedir Falcão de repetir o time

Atualizado: Terça-feira, 28 Junho de 2011 as 2:27

Zé Roberto terá apenas um treinamento antes do

jogo contra o Galo (Foto: Lucas Uebel / Vipcomm)

  Em seu 15º jogo no comando do Inter, Paulo Roberto Falcão tem a chance de, pela segunda vez, repetir a escalação colorada. O único empecilho é Zé Roberto. O atacante foi liberado para resolver problemas particulares. Na manhã desta terça-feira, ele perdeu seu segundo turno de trabalho. Com isso, fará apenas um treino antes do jogo de quinta-feira, às 21h, em Sete Lagoas, contra o Atlético-MG.

Caberá a Falcão decidir se vale a pena escalar o jogador, de bom rendimento na goleada de 4 a 1 sobre o Figueirense. A tendência é de que Zé Roberto esteja presente. Caso contrário, Ricardo Goulart e Gilberto surgem como principais alternativas.

Até agora, o treinador só manteve a equipe uma vez no Inter. Foi da primeira para a segunda partida – contra Santa Cruz e Emelec. Depois, jogo após jogo, ocorreu pelo menos uma mudança – por suspensão, lesão, convocações para as seleções de Brasil e Argentina ou decisão técnica de Falcão. Para o duelo de duas rodadas atrás, contra o Coritiba, o comandante vermelho tinha a oportunidade de manter a escalação da partida anterior, o empate por 2 a 2 contra o Palmeiras. Porém, preferiu colocar Glaydson no lugar de Oscar e ainda perdeu Rodrigo, com embolia pulmonar.

O provável time para o duelo com o Galo tem Muriel, Nei, Bolívar, Juan e Kleber; Guiñazu, Tinga, D’Alessandro e Oscar; Zé Roberto e Leandro Damião. Na manhã desta quarta-feira, o treinador priorizou trabalhos de conclusão a gol no Beira-Rio.

As escalações de Falcão, jogo a jogo:

Inter 1 x 0 Santa Cruz: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho e D'Alessandro; Rafael Sobis e Leandro Damião.

Inter 2 x 0 Emelec: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho e D'Alessandro; Rafael Sobis e Leandro Damião.

Juventude 1 x 2 Inter: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho e Oscar; Rafael Sobis e Leandro Damião.

Emelec 1 x 1 Inter: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho e D'Alessandro; Rafael Sobis e Leandro Damião.

Inter 1 x 1 Grêmio: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Guiñazu, Tinga, Andrezinho, D’Alessandro e Oscar; Leandro Damião.

Inter 1 x 2 Peñarol: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Oscar, D'Alessandro e Andrezinho; Leandro Damião.

Inter 2 x 3 Grêmio: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Tinga, Andrezinho e D'Alessandro; Rafael Sobis e Leandro Damião.

Grêmio 2 x 3 Inter: Renan, Nei, Índio, Bolívar e Juan; Bolatti, Guiñazu, Kleber, Andrezinho e D'Alessandro; Leandro Damião.

Santos 1 x 1 Inter: Renan, Daniel, Bolívar, Juan e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Tinga e Oscar; Zé Roberto e Leandro Damião.

Inter 0 x 1 Ceará: Lauro, Daniel, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Tinga e D´Alessandro; Zé Roberto e Leandro Damião.

América-MG 2 x 4 Inter: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Juan; Tinga, Guiñazu, Oscar e D'Alessandro; Zé Roberto e Cavenaghi.

Inter 2 x 2 Palmeiras: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Tinga, Guiñazu, Oscar e D'Alessandro; Zé Roberto e Leandro Damião.

Coritiba 1 x 1 Inter: Muriel, Nei, Bolívar, Juan e Kleber; Glaydson, Guiñazu, Tinga e D’Alessandro; Zé Roberto e Leandro Damião.

Inter 4 x 1 Figueirense: Muriel, Nei, Bolívar, Juan e Kleber; Guiñazu, Tinga, D’Alessandro e Oscar; Zé Roberto e Leandro Damião.            

veja também