MENU

Souza comemora boa fase: 'Sabia que minha hora iria chegar'

Souza comemora boa fase: 'Sabia que minha hora iria chegar'

Atualizado: Segunda-feira, 19 Setembro de 2011 as 3:59

Quatro gols nos últimos quatro jogos, artilharia do time na Série A, apoio do treinador e voto de confiança da torcida. Souza, enfim, está de bem com a vida no Bahia. Um dos jogadores mais cobrados do elenco, o atacante afirma que está feliz, mas diz que, durante o tempo de vacas magras, jamais deixou de ter tranquilidade.

- Já passei por vários clubes grandes, sempre fui cobrado. Tenho certeza de que só sou cobrado porque tenho qualidade. Fui artilheiro do Campeonato Brasileiro e não foi à toa. Sempre passei por times grandes, Corinthians, Flamengo, Internacional, Goiás, e aqui não é diferente. A gente sabe que a torcida quer ver gol e o time jogando bem. Estou feliz por voltar a fazer gols e ajudar o Bahia a conquistar vitórias - disse.

O atacante ainda comentou a responsabilidade de compor o ataque tricolor:

- Todo dia você tem que provar que tem condições de vestir a camisa 9 do Bahia. Não é possível que eu desaprendi a fazer gols, ou que desaprendi a jogar. Eu precisava de um pouco de sequência. Mas estava tranquilo, porque sabia que minha hora iria chegar - avaliou.

Souza destacou a importância da chegada de Joel Santana para o seu crescimento. Desde que o novo treinador foi anunciado, antes da partida contra o Flamengo , Souza marcou em três jogos. Para ele, a forma com que o técnico armou o time foi fundamental para o seu crescimento.

- O trabalho durante a semana foi importante. O Joel sempre joga com um jogador lá na frente se movimentando, como estou fazendo, e os jogadores de meio de campo encostando. Foi uma modificação muito boa. Além disso, ele pediu que a gente conversasse mais, que a gente ficasse mais ligado em campo para não dar a bobeira que vinha dando antes.

Apesar da confiança e da satisfação pelo bom rendimento, Souza deixa claro que nada está ganho. Para o atacante, o trabalho deve ser contínuo.

- Precisamos continuar trabalhando. Eu venho crescendo a cada dia, ganhando ritmo de jogo e a confiança dos meus companheiros dentro de campo - finalizou.        

veja também