MENU

Sport vence confronto direto pelo G-4 e Santa Cruz se mantém na liderança

Sport vence confronto direto pelo G-4 e Santa Cruz se mantém na liderança

Atualizado: Segunda-feira, 28 Março de 2011 as 8:57

O Sport fez sua primeira decisão no estadual neste domingo e saiu com a vitória. Caravanas rubro-negras se dirigiram a Caruaru para o confronto direto com o Central e vão retornar a Recife sem reclamar da forte chuva, que deixou o gramado repleto de poças de água. Em um jogo movimentado, com pênalti perdido inclusive, o Leão superou a Patativa por 3 a 2, conseguiu chegar ao G-4 do Pernambucano e segue firme na busca pelo hexacampeonato.

A bola na trave de Daniel Paulista logo aos sete minutos anunciava o passeio rubro-negro que estava por vir no primeiro tempo. E um minuto depois, o cruzamento de Vitor encontrou Germano, que cabeceou para o canto da barra para abrir o placar. Aos 22, a bola de Tadeu sobrou para Carlinhos Bala fazer o segundo do Leão no jogo, o sexto do atacante no Pernambucano. Com o apoio da torcida, que superou em número a da equipe mandante, o Sport não diminui o ritmo, mas o terceiro não chegou na etapa inicial.

A chuva piorou, dificultando os toques de bola, que freava nas poças de água espalhadas por todo o campo. Melhor para a Patativa, que se adaptou mais rápido ao novo jogo, cresceu e chegou ao gol. Vassoura aproveitou que a bola morreu em uma das poças para fazer o gol e deixar o time da casa vivo na partida. E os anfitriões tiveram a grande chance de empatar com um pênalti cobrado por Danilo Pitbull, mas Magrão fez grande defesa e pegou a bola no canto esquerdo da meta. Na sequência, Harlei agrediu Germano e foi expulso. Com um jogador a mais, o Sport voltou a dominar a partida e Vitor fez o terceiro gol do Leão. Wilson ainda diminuiu para os donos da casa no final, mas não evitou a derrota.

Com o resultado, o Sport chega aos 34 pontos e ultrapassa o adversário deste domingo na classificação. Agora dentro da zona de classificação para a segunda fase, o Leão vai mais tranqüilo para o “Clássico das Multidões” contra o líder Santa Cruz no próximo domingo, às 16h, na Ilha do Retiro, onde o Rubro-Negro está invicto na temporada.

O Central, por outro lado, amarga sua quarta derrota consecutiva. A Patativa, que já foi líder do estadual, sai do G-4 com a derrota deste domingo e volta a campo para enfrentar o Náutico no próximo sábado, às 16h, nos Aflitos.

Disputa pela liderança

O Santa Cruz manteve a liderança do Pernambucano neste domingo. No Arruda, o Tricolor contou com a boa atuação do atacante Gilberto para superar por 2 a 0 o Porto, que poderia assumir a ponta caso superasse os donos da casa . O jogador coral marcou os dois gols, que deram a vitória aos anfitriões, e chegou à artilharia do estadual. As duas equipes são adversárias diretas na disputa por uma das duas vagas que o Pernambucano oferece para a Série D do Brasileirão deste ano.

O jogo começou muito equilibrado e com poucas oportunidades de abrir o marcador para os dois lados. Aos poucos, o Tricolor assumiu o controle da partida. Natan tentou driblar o defensor, a bola respingou no adversário e sobrou para Gilberto colocar a bola no lado direito da meta, sem dar chances para o goleiro Mondragon. O Porto não se abateu e voltou a igualar o jogo, mas o artilheiro do estadual, o atacante Paulista, não manteve a eficiência de outras partidas.

E bastou o juiz apitar o início do segundo tempo para o Santa Cruz aumentar a vantagem. Em menos de um minuto, Gilberto balançou a rede pela segunda vez na partida. Com o gol, o atacante chegou ao nono acerto no Pernambucano e se igualou a Paulista na artilharia do estadual. Mais uma vez, o Porto voltou a fazer frente aos anfitriões, mas o placar já estava definido.

O resultado garante a liderança do Santa Cruz e freia uma sequência de quatro vitórias seguidas do Porto. O time de Caruaru permanece no terceiro posto na classificação e encara a Cabense no próximo domingo, às 16h, dentro de casa.

Na cola do Tricolor, o Náutico enfrentou o Ypiranga-PE neste domingo e, fora de casa, não teve dificuldades para golear. O resultado de 3 a 0 mantém o Timbu na vice-liderança do estadual, com os mesmos 41 pontos do Santa Cruz, mas atrás do rival apenas no número de vitórias.  Os donos da casa, por outro lado, ficam à beira da zona de rebaixamento e faz confronto direto longe de seus domínios contra o América-PE no próximo domingo, às 16h, para tentar escapar da degola.

Visitante sem cerimônias, o Náutico já foi logo mostrando para que foi a Santa Cruz do Capibaribe. Aos cinco minutos, Bruno Meneghel tentou o arremate que desviou no zagueiro adversário e foi para escanteio. Na cobrança, Eduardo Ramos encontrou Everton livre, que não desperdiçou a oportunidade e, de cabeça, mandou para o fundo da rede. Com amplo domínio da partida, não tardou para o Timbu aumentar a vantagem. Derley recebeu cruzamento de Airton pela direita e chutou de primeira para marcar o segundo gol do time visitante, que passou apenas a administrar o jogo. No segundo tempo, William ainda aumentou para o alvirrubro para sacramentar a goleada por 3 a 0 fora de casa.      

veja também