MENU

Sutil surpreende as favoritas e lidera primeiro treino livre

Sutil surpreende as favoritas e lidera primeiro treino livre

Atualizado: Sexta-feira, 12 Março de 2010 as 12

Quem esperava um domínio de McLaren, Ferrari, RBR ou Mercedes no primeiro treino livre para o GP do Bahrein foi surpreendido por Adrian Sutil e a Force India. O alemão marcou o tempo de 1m56s583 e terminou a sessão na ponta, 183 milésimos à frente de Fernando Alonso, que disputou seu primeiro treino pela Ferrari e ficou na segunda posição. Robert Kubica, da Renault, foi o terceiro colocado, quase meio segundo atrás.

Felipe Massa, companheiro de Alonso na Ferrari, foi o melhor brasileiro no treino, com a quarta posição. Na disputa interna da equipe italiana, ele foi superado por apenas três décimos nesta primeira atividade do fim de semana. O inglês Jenson Button, atual campeão do mundo e reforço da McLaren para 2010, foi o quinto e superou o compatriota Lewis Hamilton, sexto colocado, um décimo mais lento.

Na Mercedes, Michael Schumacher, em seu primeiro treino após o retorno da aposentadoria, marcou apenas o décimo tempo e foi superado pelo companheiro Nico Rosberg, o oitavo. Mark Webber, da RBR, outra equipe entre as favoritas, separou os alemães na nona posição. Ele ficou quatro posições à frente do companheiro Sebastian Vettel, apenas o 13º colocado nesta sessão.

Em sua estreia na Williams, Rubens Barrichello foi o 15º colocado, três posições e quase um segundo mais lento que o novato Nico Hulkenberg, o 12º. Contudo, o brasileiro ficou muito tempo parado nos boxes e deu apenas 11 voltas no primeiro treino livre no Bahrein. Lucas di Grassi, da VR (antiga Manor), não marcou tempo e só saiu duas vezes à pista para fazer checagens em seu carro.

Bruno Senna, por sua vez, foi protagonista de um dos momentos mais esperados da temporada. Com 20 minutos para o fim da sessão, ele levou sua Hispania pela primeira vez à pista, nas primeiras voltas do carro da equipe espanhola. O brasileiro deu apenas três voltas e não conseguiu marcar tempo, mas atraiu a atenção dos jornalistas no circuito e também da transmissão de TV internacional. Karun Chandhok, seu companheiro, sequer foi à pista.

veja também