MENU

Técnico de Cigano enaltece vitória no UFC: "Está mais maduro"

Técnico de Cigano enaltece vitória no UFC: "Está mais maduro"

Atualizado: Quinta-feira, 16 Junho de 2011 as 2:49

Técnico de boxe do brasileiro Júnior Cigano, Luiz Carlos Dorea aprovou a vitória de seu pupilo contra o gigante americano Shane Carwin no UFC 131, no último desafio antes de disputar o cinturão dos pesados contra Cain Velasquez.

  Impecável durante os 15 minutos, o brasileiro caminhou por todo octógono e dominou o rival com fortes jabs, além de algumas sequências com cruzados e uppers. De lambuja, no final do último round, Cigano corou o desempenho ao aplicar uma linda queda no renomado wrestling.

- A luta foi muito boa, o Cigano foi perfeito taticamente e manteve o controle total durante todo combate. Foi muito importante fazer os três rounds, isso mostrou que ele está mais maduro e que sabe dosar o ritmo.

Esta foi a segunda vez em 14 apresentações que um combate do catarinense chega ao fim do tempo regulamentar, o que, em alguns fóruns, virou motivo de crítica ao lutador. Mas não endossado por Dorea.

- O Cigano é um nocauteador nato, muito dedicado e habilidoso. Na academia ele faz quatro rounds com sparrings diferentes, mas o Carwin resistiu, mostrou que está bem melhor. Os 30 minutos – lutas contra Roy Nelson e Shane Carwin – foram muito bons para quem quer ser campeão.

Ao analisar o próximo desafio, o campeão Cain Velasquez, o ex-treinador do boxeador Popó, foi na contramão dos comentários feitos por Dana White, presidente do UFC, sobre o maior peso-pesado brasileiro na atualidade.

- O Velasquez é excelente, soca, chuta e derruba muito bem. Vai ser um duelo incrível, mas acredito no Cigano. Não vi as declarações do Dana White, mas o Cigano não é um lutador de boxe, e sim de MMA. Chutou e derrubou o Shane Carwin e, se preciso, usará seu excelente chão.

No início da semana, o presidente do UFC afirmou que Júnior Cigano teria que treinar mais do que boxe para vencer Cain Velasquez.        

veja também