MENU

Thiago Neves rotula clássico como guerra, mas pede paz entre torcidas

Thiago Neves rotula clássico como guerra, mas pede paz entre torcidas

Atualizado: Quarta-feira, 30 Novembro de 2011 as 4:13

Thiago Neves decreta a guerra, mas pede paz. Ao mesmo tempo em que destaca o caráter decisivo e o clima do jogo com o Vasco, domingo, às 17h, no Engenhão, o camisa 7 do Flamengo revelou seu desejo para que não aconteçam problemas entre torcidas espalhadas pelo país, já que a última rodada do Campeonato Brasileiro será de clássicos regionais.

Thiago espera clima leva no domingo, sem briga de torcida (Foto: Alexandre Cassiano / Agência O Globo)  

Ao ser questionado sobre uma possível escalação do time, Thiago Neves disse que a experiência é importante no momento de decisão. E deu o clima do clássico.

- Será um jogo que vamos precisar dos jogadores experientes, com bagagem, pois não será uma partida comum. Mas o Thomás vem surpreendendo, no jogo contra o Inter ele partiu para cima. O importante é estar focado, pois vai ser uma guerra, uma batalha difícil – afirmou o jogador.

Mas que a guerra fique restrita as quatro linhas. Esse é o desejo do camisa 7.

- Não só no Rio, mas que seja de paz entre as torcidas em todo o Brasil.

Thiago Neves sabe que o duelo entre Flamengo e Vasco é diferente para os torcedores. Mas o jogador encara o rival como se fosse Fluminense ou Botafogo. E faz um alerta: a eterna brincadeira com os vascaínos deve ficar nas arquibancadas.

- Tem que deixar o torcedor curtir com o Vasco, mas os jogadores não podem levar isso para campo, pois ainda não conseguimos a classificação. Flamengo e Vasco é diferente, claro que é, grandes jogadores, maiores torcidas, mas sempre encarei todos os clássicos da mesma maneira. Rivalidade tem, sim, mas encaro da mesma forma como Botafogo e Fluminese.

O jogador sabe que a vaga na Libertadores trará maior responsabilidade ao Rubro-Negro em 2012.

- Não adianta conquistar a vaga e achar que no ano que vem será fácil – alertou.

Sobre as negociações contratuais, Thiago Neves reiterou seu desejo de permanecer. O Flamengo enviou a proposta ao Al Hilal para parcelar os R$ 18 milhões. Na próxima semana, acontecerá nova reunião para que os dirigentes árabes apresentem a forma de pagamento que consideram ideal.

- Já deixei bem claro há muito tempo que quero ficar. O Flamengo fez uma proposta, o Léo (Rabello, empresário) está negociando, as coisas estão indo para o caminho certo. Acho que vai dar tudo certo, eu vou ficar, eles sabem que é isso que eu quero – afirmou o jogador.        

veja também