MENU

Ótima fase de Liedson preocupa, mas Alex Silva diz que defesa está pronta

Ótima fase de Liedson preocupa, mas Alex Silva diz que defesa está pronta

Atualizado: Sexta-feira, 25 Março de 2011 as 9:34

Ele é magrinho, não é muito alto (tem 1,75m), mas dentro de campo se transforma em um gigante. Desde que retornou do Sporting (POR), o corintiano Liedson tem sido o terror das defesas adversárias no Campeonato Paulista. Em nove partidas disputadas, marcou dez gols.

O camisa 9 do Timão, que rapidamente fez a Fiel torcida esquecer Ronaldo, já tira o sono da defesa do São Paulo, que, após ter passado em branco por quatro partidas, foi vazada três vezes na partida contra o Paulista, em Jundiaí. As duas equipes se enfrentam domingo, às 16h, em Barueri, pela 16ª rodada do estadual.

Alex Silva, que formará o trio de beques ao lado de Miranda e Rhodolfo, que volta após se recuperar de lesão, fez questão até de ligar para o irmão Luisão, que atua no Benfica (POR) e que, por oito temporadas, enfrentou Liedson. E deixou claro: apesar das falhas no último jogo, a defesa está pronta para dar a volta por cima no domingo.     - O Liedson é um jogador que não desiste fácil da jogada. Acompanhei os gols que ele fez, e a maioria foi falha dos zagueiros ou até mesmo do goleiro. Ele fica esperando a gente falhar para concluir. Falei com meu irmão Luisão, que o enfrentou várias vezes, para pegar algumas dicas. Tomamos três gols no último jogo, mas foi uma partida estranha. Com a volta do Rhodolfo, a defesa está pronta para o grande teste que será o clássico – disse Alex Silva.

O goleiro e capitão Rogério Ceni é outro que não esconde a preocupação com o rival.

- Ele é rápido, veloz, inteligente, define muito bem e é muito oportunista. Veja quantos gols ele faz por estar na hora certa e no lugar certo, pegando o rebote do goleiro ou uma bola espirrada da zaga – analisou.     O camisa 1 sabe do que está falando. Em 2003, nos dois jogos da final do Campeonato Paulista, Liedson infernizou a zaga são-paulina – na época formada por Jean e Júlio Santos – e o Corinthians acabou campeão. Ele, inclusive, fez um gol no segundo jogo decisivo. Depois daquelas grandes atuações, Liedson foi vendido para o Sporting, de Portugal. Foram oito temporadas de sucesso em terras lusitanas até o retorno ao Timão, no início deste ano.

Ceni já percebeu que, apesar da idade (33 anos), Liedson continua em grande forma.

- Ele está confiante. Você percebe isso. E um jogador com confiança é sempre muito mais perigoso – lembrou o camisa 1.

O polivalente Jean diz que a fase de Liedson é tão boa que é possível compará-lo ao Fenômeno Ronaldo quando se fala em dificuldade de marcação.

- Marcar o Liedson dentro da área tem uma diferença para marcar o Ronaldo. Mas marcá-lo fora da área, com velocidade, é muito mais complicado. O Ronaldo dentro da área é mais difícil, porque ali é a especialidade dele, mas fora é o Liedson, mais veloz, tem de ficar esperto - disse o defensor.      

veja também