MENU

Tite suporta pressão e diz que deve manter Dentinho como titular na final

Tite suporta pressão e diz que deve manter Dentinho como titular na final

Atualizado: Sexta-feira, 13 Maio de 2011 as 4:52

Dentinho no treino do Corinthians (Foto: Ag. Estado)

  Apesar da má fase e de estar muito perto de se transferir para o Shakhtar Donetsk-UCR, o atacante Dentinho tem grandes chances de seguir como titular do Corinthians na decisão do Campeonato Paulista, contra o Santos, domingo, às 16h, na Vila Belmiro. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, o treinador admitiu que deve mantê-lo ao lado de Liedson. Willian seguirá na reserva.

- A tendência é pela manutenção da equipe, que vem adquirindo certo entrosamento - resumiu o  comandante.

O duelo, aliás, deve ser o último de Dentinho com a camisa alvinegra. Entre segunda e terça-feira, o Corinthians anunciará a venda do atacante para o clube ucraniano. O acordo foi firmado nesta semana, mas o Timão optou por não divulgá-lo por ainda estar decidindo o estadual. Tite garante que o jogador está concentrado em colaborar com a equipe na briga com a taça

- Ele está dentro da nossa busca pelo grande objetivo. Como o Bruno César (negociado com o Benfica-POR), ele mostrou que está inserido. Eles sabem da responsabilidade que têm com o clube e conosco - ressaltou o treinador.

Tite vem bancando a permanência de Dentinho apesar da pressão da torcida. O jogador vive má fase desde a reta final da primeira fase e ficou ainda mais ameaçado com o bom momento de Willian. O atacante, contratado do Figueirense no início do ano, fez gols decisivos contra Oeste e Palmeiras, caindo no gosto da Fiel.

Caso Dentinho seja mesmo mantido, o Corinthians terá apenas uma mudança em relação ao time que empatou sem gols com o Santos no primeiro duelo. O lateral-direito Alessandro cumpriu suspensão pelo terceiro cartão amarelo e retorna no lugar de Wallace, zagueiro que atuou improvisado na função.

O Timão inicia a decisão com: Julio Cesar, Alessandro, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Bruno César e Jorge Henrique; Dentinho e Liedson.      

veja também