Toquinho: 'Muita gente acha que posso dar trabalho ao Anderson'

Toquinho: 'Muita gente acha que posso dar trabalho ao Anderson'

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:17

O peso-médio Rousimar Palhares, o Toquinho, se considera um privilegiado. Isso porque dia 14 de janeiro ele terá a oportunidade de lutar de novo em um evento no Brasil, no UFC 142. Após enfrentar Dan Miller no primeiro evento carioca, em agosto, o lutador revelou ao SPORTV.COM que seu estilo de jogo, que tem jiu-jítsu como carro chefe aliado a um bom wrestling, é visto por muitos como um dos poucos capazes de vencer o fenômeno e campeão da categoria, Anderson Silva.

- Tem muita gente que acha que posso dar trabalho ao Anderson. Não sei, é meu jeito de lutar. Mas todo mundo que luta comigo vem de uma forma diferente, acho que estilo pode mudar também - disse o lutador.

Em sua última luta, no Rio, Toquinho protagonizou uma pequena gafe dentro do octógono. Durante o embate,  o brasileiro pensou ter conquistado a vitória por nocaute no primeiro round e subiu na grade para comemorar, antes de ser avisado pelo árbitro que o combate não havia sido encerrado. Sobre isso, o peso-médio faz pouco caso e garante que a pressão do corner de seu rival influenciou na decisão do juiz.

- O pessoal vive me falando que tenho de esperar o juiz parar. Mas ninguém sabe o que de fato aconteceu na luta. Depois, no vestiário, cheguei a falar com o Dan Miller. Ele tinha pedido para parar, mas pelo que me falaram, o corner dele pressionou o juiz a voltar. Me desconcentrou, mas não adiantou nada  - confessou.

Para os admirados de seu estilo de luta, ficou faltando o uso da famosa chave de calcanhar de Toquinho no combate entre o brasileiro e Miller. Segundo o lutador, o golpe só não saiu por falta de oportunidade, garantindo que o seu carro-chefe em breve voltará a ser utilizado no octógono.

- Dan Miller não ficou se expondo muito. O chão também estava escorregadio e preferi cadenciar mais a luta. Ele estava tenso, não se expondo muito. Mas é um golpe que gosto de fazer e farei de novo com certeza - disse.

Se Demian quiser, Toquinho se diz pronto

Toquinho e o compatriota Demian são reconhecidos como os detentores do melhor jiu-jítsu da categoria peso-médio no UFC. Questionado sobre a possibilidade de enfrentar Maia em algum momento, Rousimar Palhares revela que aceitaria enfrentar o paulista. E já até imaginou um pouco sobre como poderia ser o combate.

- Para o Demian derrubar seria díficil. Em termos de explosão, sou mais baixo, seria difícil. Mas se ele aceitasse a luta, eu aceitaria também - explicou.

Toquinho tem 13 vitórias e três derrotas na carreira, sendo seis triunfos e duas derrotas no UFC. Ele venceu suas últimas duas lutas. Massenzio, por sua vez, derrotou Steve Cantwell por decisão unânime em seu último combate, no UFC 136, em 8 de outubro, e tem 13 triunfos e cinco derrotas no cartel.

Confira o card completo do evento do UFC 142:

CARD PRINCIPAL*

José Aldo Jr. x Chad Mendes

Vitor Belfort x Anthony Johnson

Edson Barboza Jr. x Terry Etim

Rousimar "Toquinho" Palhares x Mike Massenzio

Erick Silva x Carlo Prater

CARD PRELIMINAR*

Thiago Tavares x Sam Stout

Ricardo Funch x Mike Pyle

Fábio Maldonado x Caio Magalhães

Felipe "Sertanejo" Arantes x Antonio "Pato" Carvalho

Yuri "Marajó" Alcântara x Michihiro Omigawa

Edinaldo "Lula" Oliveira x Gabriel Napão

* A ordem dos combates ainda não está definida oficialmente

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições