MENU

Tricolores procuram tratar a queda de rendimento com naturalidade

Tricolores procuram tratar a queda de rendimento com naturalidade

Atualizado: Terça-feira, 21 Setembro de 2010 as 8:35

Setembro tem sido difícil para o Fluminense. É o único mês de todo o Brasileirão com jogos em todas as datas disponíveis: serão nove rodadas no total. E computados apenas os confrontos das primeiras seis rodadas do mês, o Tricolor estaria na zona de rebaixamento, com apenas cinco pontos. O líder Corinthians teria dez, mesmo com um jogo a menos - a partida contra o Vasco foi adiada por conta das comemorações dos 100 anos.

Na tabela, dois pontos separam paulistas e cariocas. O Timão tem 44, enquanto a equipe de Muricy Ramalho tem 42. O Fluminense não vence há três rodadas (derrotas para Atlético-GO e Corinthians e empate no Fla-Flu).

- Todo time tem uma queda. Daqui a pouco vamos para uma arrancada final. Jogar quarta e domingo é difícil. Perdemos para o Atlético-GO, um jogo que não poderíamos ter perdido, e os próximos serão difíceis. Todos os times estão nivelados, mas temos de pensar em ganhar todos os jogos e retomar o caminho das vitórias – avisou o meia Marquinho.

O zagueiro Leandro Euzébio também trata a queda de rendimento com naturalidade.

- Esperamos acertar daqui para frente e que tudo possa voltar ao normal. Lideramos por onze rodadas, e o Corinthians esteve sempre atrás. Agora, estão na frente. Vamos à caça deles para que possamos buscar os resultados e a primeira posição – disse, em entrevista ao SporTV.

O Fluminense volta a campo nesta quinta-feira, contra o Atlético-MG. O Galo vive situação complicada. É o 17º, com 21 pontos, na zona de rebaixamento.

- Tudo depende de nós. Temos de saber usar o que está acontecendo com eles. São jogadores que têm muita qualidade, mas eles que resolvam os problemas que têm. Temos de pensar nos nossos – afirmou Marquinho.

veja também