MENU

UFC está aberto à criação de pensão para lutadores aposentados, diz White

UFC está aberto à criação de pensão para lutadores aposentados, diz White

Atualizado: Quinta-feira, 26 Maio de 2011 as 4:53

Após anunciar no início do mês uma nova política de seguro completo para todos os lutadores contratados pela Zuffa LLC, empresa detentora dos direitos do UFC, o presidente do evento, Dana White, se mostrou disposto a buscar um programa de pensão para lutadores aposentados. O dirigente, todavia, deixou claro que isso ainda é uma realidade distante e disse que os próprios lutadores oferecem resistência à ideia.

Segundo White, o foco do UFC é evitar que lutadores terminem a carreira falidos (Foto: Reprodução)

  O tema surgiu após a entrevista coletiva de Quinton "Rampage" Jackson na quarta-feira, em evento pré-UFC 130 em Las Vegas. Jackson disse que pretende lutar até os 35 anos e se mostrou preocupado com o futuro de seus filhos e suas finanças após a aposentadoria. Este é um dos motivos pelo qual o lutador vem investindo na carreira de ator.

- Se Dana me pagasse todos os meses após eu me aposentar, então eu lutaria um pouco mais. Porém, não funciona assim. Vejo muitos lutadores, boxeadores e jogadores de futebol americano profissionais que não têm nada - disse Rampage.

Entrevistado pelo site MMAjunkie.com, White concordou com o pleito de Jackson, mas alegou que parte da dificuldade para se fazer algo nessa linha vem da própria classe. Segundo o presidente do UFC, muitos lutadores não gostariam de abrir mão de uma porcentagem das bolsas que recebem por luta para financiar suas aposentadorias.

- Se pudermos encontrar uma maneira de criar uma pensão para lutadores, isso seria algo que adoraríamos fazer. Mas vai na mesma linha de, "O que você acha sobre um sindicato de lutadores?" Isso depende deles, não de mim. Eu não dou a mínima (importância), isso não importa para nós. Lutadores não querem dividir com ninguém, e não querem que nós tiremos um pedaço de seu dinheiro. Se você tirar um pouco e disser, "Vamos botar esta parte aqui e investir para você", os caras respondem, "Eu preciso do dinheiro inteiro, e eu quero agora" - afirmou.

Para White, a principal preocupação no momento é educar seus lutadores atuais no gerenciamento de seu dinheiro. Esta é uma das questões centrais desenvolvidas no seminário anual do UFC.

- Você luta e tira US$ 1 milhão. Você pensa, "Caramba! Eu tenho um milhão!" Não tem, não. Esses caras pagam uma porcentagem a este aqui, uma porcentagem praquele ali... O governo vem e tira metade do que você recebeu. Vem o final do ano e... Você deve US$ 1,5 milhão em impostos. Mas você comprou uma casa, comprou alguns carros, fez algumas viagens.

Quando você vê, está falido. Estamos tentando prevenir uma situação em que os caras se aposentam sem nada - disse White. Neste sábado, acontece o UFC 130 em Las Vegas. O Combate e o Combate HD transmitem ao vivo, a partir das 22h.        

veja também