MENU

Uruguai joga todas as fichas contra o México, praticamente eliminado

Uruguai joga todas as fichas contra o México, praticamente eliminado

Atualizado: Terça-feira, 12 Julho de 2011 as 9:45

O Uruguai deposita em Diego Forlán a esperança

de gols contra os mexicanos (Foto: AP)

  Assim como as demais seleções favoritas ao título, o Uruguai teve um início de Copa América bem abaixo das expectativas. Os empates contra Peru e Chile impuseram à Celeste a obrigação de ter que vencer na última rodada para, só assim, assegurar uma vaga nas quartas de finais da competição. A 'decisão' uruguaia será contra o México, às 21h50 desta terça-feira, em La Plata, com transmissão ao vivo do GLOBOESPORTE.COM e do Sportv.

Diante da importância do resultado que precisam buscar, os jogadores uruguaios entraram no clima decisivo e, contra a seleção sub-22 do México, que precisa de uma combinação de resultados para se classificar, prometem uma atuação que honre a melhor equipe sul-americana da última Copa do Mundo.

- Vamos entrar para ganhar, dependemos apenas de nós para conseguir a classificação e está mais do que claro que nesta partida vamos jogar pelo restante da Copa América – disse o atacante Luis Suárez.

- O momento não é bom, claro, mas tampouco está tudo terminado. Temos que tomar essa partida como uma final, como são todas, porque se ganharmos temos a oportunidade de seguir adiante – enfatizou o goleiro Fernando Muslera.

Mudanças na escalação

O técnico Oscar Tabárez precisou fazer duas alterações na equipe, que resultaram também em uma mudança de esquema de jogo, do 3-4-3 para o 4-4-2. Suspenso com dois cartões amarelos, o ala esquerdo Martín Cáceres dará lugar a Álvaro Pereira.

Com uma lesão no joelho esquerdo sofrido no empate diante do Chile, o atacante Edinson Cavani pode até mesmo desfalcar a Celeste por mais jogos. Sem o atacante do Napoli, Oscar Tabárez optou por deixar apenas Diego Forlán e Suárez no ataque, formando o meio de campo com Diego Pérez, Arévalo Rios, Álvaro González e Cristian Rodríguez.

Nos cálculos, Celeste ainda pode ser líder

Os uruguaios entrarão em campo já sabendo o resultado da outra partida do grupo, entre Chile e Peru (ambos somam quatro pontos), que jogam às 19h15, em Mendoza. Se houver um vencedor nessa partida, essa seleção pulará para sete pontos e o Uruguai – que tem dois – poderá alcançar apenas cinco pontos, o que garante a classificação como segundo colocado.

Mas caso Chile x Peru termine empatado, uma vitória da Celeste por dois gols sobre o México deixaria as três seleções com cinco pontos no grupo C, sendo que o Uruguai terminaria como líder em função do saldo de gols.

- Se acontecerem esse resultados que são muito possíveis de acontecer, o objetivo de terminarmos líderes estará atingido – disse o preocupado técnico Oscar Tabárez na sua última coletiva antes do jogo.          

veja também