MENU

Vetado pelo clube para ir ao Pan, Raphael é o primeiro seleção

Vetado pelo clube para ir ao Pan, Raphael é o primeiro seleção

Atualizado: Quarta-feira, 14 Setembro de 2011 as 4:01

Raphael não foi liberado pelo Trentino, da Itália,

para ir ao Pan (Foto: Alexandre Arruda / CBF)

  Por uma decisão do Trentino, o período de treinos de Raphael com a seleção brasileira foi mais curto do que o levantador gostaria. Nos planos da comissão técnica para disputar os Jogos Pan-Americanos em outubro, o atleta teve a participação no torneio vetada pelo clube italiano e acabou dispensado do grupo que treina em Saquarema antes mesmo do corte oficial para o Campeonato Sul-Americano, que começa dia 19 de setembro, em Cuiabá.

Como o Pan não é um torneio vinculado à Federação Internacional de Vôlei (FIVB), cabe às equipes a decisão de liberar ou não os atletas para suas respectivas seleções. E, diante da negativa dos italianos, Bernardinho e seus auxiliares optaram por focar o trabalho apenas em Bruno e Marlon.

Mesmo com a dispensa antecipada, Marlon avaliou a participação de Rapha nos treinos no Centro de Desenvolvimento de Saquarema como positiva em diversos aspectos. Esta foi a primeira vez no ano em que um terceiro atleta da posição foi convocado.

- Ele é um supercampeão internacional, e nos ajudou muito pela pessoa que é e pelo desenvolvimento do trabalho. Conseguimos ter um intervalo maior de descanso e ao mesmo tempo se motiva mais porque é mais um incentivando e buscando espaço, nos fazendo correr mais pela seleção. – disse o atleta do Rio de Janeiro.

Com apenas dois concorrentes pela vaga de titular, Bruninho minimiza a disputa e frisa que o grupo sai sempre ganhando. Tanto pela vontade de cada um dar sempre o seu melhor quanto pela confusão na marcação adversária, já que cada um possui características singulares.

- Vamos mudando um pouco e os rivais têm que se adaptar. Eles não sabem quem vai entrar e, mesmo quando entramos, levam um tempo até se adequarem. Eu jogo um pouco mais pelo meio, o Marlon já é mais veloz pelas pontas. Cada um tem um ponto forte, e isso mostra a força do nosso grupo como um todo.

Os levantadores Marlon e Bruninho treinaram com a seleção nesta quarta (Foto: Alexandre Arruda / CBV)

  A seleção masculina embarca no sábado para Cuiabá. Bernardinho fará mais dois cortes antes da viagem. O treinador quer levar 14 atletas para a capital matogrossense para ajudar na composição durante os treinos. A estreia do Brasil será às 19h do dia 19, no Ginásio Poliesportivo Professor Aecim Tocantins, contra o Uruguai.        

veja também