MENU

Vettel reforça campanha para eleger gol de Neymar o mais bonito do ano

Vettel reforça campanha para eleger gol de Neymar o mais bonito do ano

Atualizado: Quarta-feira, 7 Dezembro de 2011 as 10:42

Jovens, famosos e talentosos. Sebastian Vettel e Neymar são dois atletas que chamam a atenção por seus dons, um com o volante e outro com a bola. Recentemente, o mais jovem bicampeão da Fórmula 1 entrou para a lista de fãs do atacante do Santos. O piloto se surpreendeu após assistir ao gol de placa do craque sobre o Flamengo, pela 12ª rodada do Brasileirão 2011, e deciciu reforçar a torcida para que ele ganhe o Prêmio Puskas, no qual é concorrente ao lado de Messi e Rooney. - Incrível, esse gol de Neymar. Incrível como ele dribla os rivais e dá um tapa na bola para ela entrar. Esse é o melhor gol do ano. Você tem que votar no site Fifa.com. Com certeza, o melhor gol - disse o piloto alemão.

Amigos, Neymar e Sebastian Vettel posam lado a lado

(Foto: Twitter / Divulgação) Apesar de ficar de fora da disputa pela Bola de Ouro da Fifa (Messi, Cristiano Ronaldo e Xavi Hernandez são os finalistas), Neymar ainda concorre ao prêmio de gol mais bonito do ano no Prêmio Puskas. O lance escolhido foi o anotado na derrota do Peixe para o Flamengo por 5 a 4 pelo Brasileirão 2011. Na partida na Vila Belmiro, no dia 27 de julho, o atleta recebeu a bola pelo lado esquerdo, próximo ao meio-campo, se livrou de dois marcadores, tabelou com Borges e ainda deu um drible desconcertante no zagueiro Ronaldo Angelim até tocar para o fundo das redes. Ele ainda marcaria outros dois gols.

Os outros dois concorrentes de Neymar no prêmio são Messi (pelo gol contra o Arsenal, na Liga dos Campeões) e Rooney (diante do Manchester City, pelo Campeonato Inglês). O vencedor será escolhido através de uma votação aberta ao público no site da Fifa e o troféu entregue no próximo dia 9 de janeiro em cerimônia de gala.

O Prêmio Puskas, criado em 2009, é uma homenagem ao ex-jogador húngaro Ferenc Puskas, capitão e ídolo da seleção húngara nos anos 50. O português Cristiano Ronaldo foi o premiado no ano de estreia, enquanto o turco Altintop conquistou em 2010. Neymar, àquela época, chegou perto por um gol marcado contra o Santo André.        

veja também