MENU

Vôlei: Com levantadora reserva, Brasil vira sobre Japão e é líder na Copa dos Campeões

Vôlei: Com levantadora reserva, Brasil vira sobre Japão e é líder na Copa dos Campeões

Atualizado: Quarta-feira, 11 Novembro de 2009 as 12

Nesta terça-feira, José Roberto Guimarães havia projetado um jogo ''duro'' contra o Japão, que segundo o treinador poderia até vencer a Copa dos Campeões. Um dia depois, as previsões se confirmaram e as orientais ficaram próximas de aprontar uma surpresa, já que venceram o primeiro set por 26/24 e ganhavam o segundo. Porém, muito em função das mexidas do comandante, a seleção brasileira conseguiu a virada, definida por 25/21, 25/23 e 25/21.

Atuando com o apoio da torcida em Tóquio, as japonesas forçaram bastante o serviço e aproveitaram-se da defeituosa recepção do Brasil para ameaçar até a metade da segunda parcial. Foi quando três alterações de Zé Roberto, que de uma vez só colocou as reservas Ana Tiemi, Taísa e Paula Pequeno em quadra, mexeram com a partida, que seria definida em favor das favoritas por 3 sets a 1.

Entre as suplentes, a que mais se destacou foi Tiemi. Curiosamente descendente de japonesas, a levantadora substituiu capitã Dani Lins com muito sucesso, tornando-se a principal destaque da partida. Com 14 pontos, Paula também foi decisiva a partir do momento em que entrou, assim como a maior pontuadora (21 tentos), Mari.

Com a virada, somada à difícil vitória por 3 sets a 2 da Itália sobre a Coreia do Sul (24/26, 24/26, 28/26, 25/19 e 15/9), o Brasil ultrapassou as italianas nos critérios de desempate e já é o líder da Copa dos Campeões. Nesta quinta, o time dirigido por Zé Roberto enfrenta as sul-coreanas, mas devem decidir o título mesmo contra a equipe azzurra, atual campeã europeia, em partida marcada para 14 de novembro.

veja também