MENU

Vôlei de Praia: duplas brasileiras vencem e se classificam para as quarta

Vôlei de Praia: duplas brasileiras vencem e se classificam para as quarta

Atualizado: Segunda-feira, 18 Agosto de 2008 as 12

Vôlei de Praia: duplas brasileiras vencem e se classificam para as quarta

No vôlei de praia, o Brasil classificou suas duas duplas femininas para as quartas-de-final. Ana Paula e Larissa mandaram as alemães Pohl e Rau mais cedo para casa, enquanto Talita e Renata trataram de fazer o mesmo com as norueguesas Maaseide e Glesnes.

Mais bem adaptada ao fuso-horário, Ana Paula, que substituiu Juliana na dupla com Larissa às vésperas do início dos Jogos, tem conversado muito com a nova parceira a fim de se conhecerem melhor. "A gente fica na resenha até as duas da manhã, tentando se conhecer. Se tiver um entrosamento legal fora, a gente leva isso para a quadra. Estou descobrindo uma pessoa legal na Larissa. Isso faz com o que o entrosamento apareça e a gente tenha liberdade para falar as coisas sem melindre", comentou Ana Paula.

Nem o fato de enfrentarem nas quartas-de-final as americanas Walsh e May-Treanor, atuais campeões olímpicas e favoritas ao ouro em Pequim, não assusta as brasileiras. "O que tem sido fácil para a gente? Elas não erram saque. Então, a gente não pode errar também", afirmou Ana Paula. "Não vim aqui para ficar em quinto ou ir somente para a semifinal. Vim para ganhar o ouro. E, para ganhar o ouro, tem que enfrentar qualquer País. Que venham os Estados Unidos. Eu e a Ana precisávamos passar pelo que passamos para chegar aqui. Sem pensar que ia ser fácil", completou Larissa.

Já Renata e Talita tiverem mais dificuldade para garantir a passagem à próxima fase. Elas perdiam o jogo por 1 a 0 e o segundo set por 19/16. A eliminação, portanto, estava próxima quando Talita foi para o saque. As brasileiras viraram o placar para 21/19 e venceram o tie-break por 15/13. Em quadra, a parceira Renata não se cansava de repetir para a parceira que ela joga muito. "Falei várias vezes isso para ela. A Talita salvou o jogo hoje", admitiu Renata.

Já Talita preferiu atribuir a reação ao imponderável, em vez de creditar a vitória apenas as suas qualidades técnicas: "Você vê quase tudo perdido, dezenove a dezesseis para elas, a gente jogando mal. Tem coisas que não têm explicação. São quatros anos de treino, não seria justo que a coisa acabasse deste jeito", completou.

Talita e Renata enfrentam nas quartas-de-final a dupla australiana formada por Barnett e a ex-campeã olímpica Cook, treinadas pelo brasileiro Alemão, que foi técnico das atuais donas da medalha de prata olímpica: Adriana Behar e Shelda.

veja também