MENU

Webber celebra vitória e Schumi justifica manobra polêmica; veja frases de Mônaco

Webber celebra vitória e Schumi justifica manobra polêmica; veja frases de Mônaco

Atualizado: Segunda-feira, 17 Maio de 2010 as 11:51

O australiano Mark Webber fez valer a vantagem da pole position em Mônaco e vencer o GP de Mônaco de ponta a ponta , assumindo a liderança do campeonato, empatado em número de pontos com seu companheiro Sebastian Vettel, segundo colocado.

Webber e Vettel têm 78 pontos, mas o australiano leva vantagem pelo número de vitórias. Robert Kubica foi um dos destaques, colocando a sua Renault na terceira colocação. Já Felipe Massa, que saiu em quarto, chegou em quarto. O brasileiro subiu de sétimo para quinto lugar na classificação, com 61 pontos.

Fernando Alonso conseguiu se recuperar após largar dos boxes e chegou na sexta colocação. O espanhol foi ultrapassado na última curva por Schumacher, mas o alemão foi punido em 20 segundos por causa da bandeira amarela e ficou em 12º.

Confira os comentários sobre a corrida:

''Absolutamente incrível e com certeza um dos melhores dias da minha vida. Me juntar a Ayrton Senna e aqueles caras que venceram aqui é ótimo''

Mark Webber, sobre a vitória nas ruas de Mônaco.

''Ouvi a mensagem 'pista liberada'. Isso significa que o safety car foi embora, a zona do acidente estava limpa, então achei que podia ir''

Michael Schumacher, sobre a polêmica ultrapassagem em Alonso na última curva.

''Não estou 100% por dentro das regras, mas confio no meu time. E eles estavam dizendo que não podia ultrapassar na última volta com bandeira amarela''

Fernando Alonso, dando a versão da Ferrari sobre a manobra polêmica de Schumacher.

''Hoje foi apenas um daqueles dias... Foi uma falha humana, um erro, e isso é tudo''

Jenson Button, sobre o erro do mecânico da McLaren que causou seu abandono por causa do aquecimento no radiador.

''Na verdade eu me surpreendi com o ritmo que consegui manter. Não esperava chegar ao pódio hoje''

Robert Kubica, surpreso com a terceira colocação na prova.

''Para mim a surpresa foi a Renault com o Kubica. Foi impressionante o ritmo dele; se o Vettel não passasse na largada, ele seria segundo''

Rubens Barrichello, sobre o desempenho surpreendente de Kubica.

''A distância era sempre a mesma, então foi uma corrida onde a gente lutou sempre com os tempos. Ultrapassar aqui era praticamente impossível''

Felipe Massa, quarto colocado na prova.

''Com certeza a largada foi a chave para terminar em segundo hoje. Somamos muitos pontos, que irão contar no fim do ano''

Sebastian Vettel, que ultrapassou Kubica na largada.

''Não é fácil para a gente ter que sair da frente dos carros. É um problema porque você sai do traçado e enche o pneu de lixo. Não é confortável  nem para nós nem para eles''

Bruno Senna, sobre o problema de as novatas serem muito mais lentas.

''Quinto era o máximo possível para mim, mas eu não estou reclamando, nós precisamos destes pontos''

Lewis Hamilton, resignado com seu desempenho.

''Nós merecemos este tipo de resultado. É apenas o começo, temos que tentar manter isso pelo resto da temporada. Estamos fazendo um bom trabalho na fábrica e neste ponto os circuitos nos privilegiam, então podemos ficar positivos sobre o futuro''

Vitantonio Liuzzi, feliz com os dois Force India na zona de pontuação.

''Ia disputar com Alonso ou qualquer um que estivesse ali. O carro da Ferrari é muito superior, segurei por algumas voltas, mas uma hora ali no túnel ele passou''

Lucas di Grassi, contente pela disputa de posição com Alonso

veja também