MENU

Zé Roberto avisa: 'Quem quer ser campeão não pode escolher rivais'

Zé Roberto avisa: 'Quem quer ser campeão não pode escolher rivais'

Atualizado: Terça-feira, 9 Novembro de 2010 as 11:16

O duelo entre Brasil e Estados Unidos na madrugada desta quarta-feira terá um clima de final antecipada para o público de Nagoya. Para José Roberto Guimarães, porém, o momento é de pensar no presente. O técnico não quer pensar se terá um novo confronto com as campeãs do Grand Prix e vice olímpicas (perderam para a seleção, em Pequim-2008) em Tóquio.

- Eu entrego na mão de Deus. Não dá para ficar pensando em cruzamento. Tem que pensar na gente. O time que encontrar lá na frente é que a gente vai ter que ganhar. Se for Estados Unidos, Rússia, o que for. Quem quer ser campeão não pode escolher – afirmou.

As seleções brasileira e americana se enfrentam em busca de objetivos diferentes. Para os Estados Unidos, ainda não classificados às semifinais, só a vitória interessa para garantir a passagem a Tóquio. Já para o Brasil, com a passagem para Tóquio confirmada, vale o primeiro lugar do Grupo F, mas uma derrota não impedirá a equipe de seguir adiante no campeonato.

- É o único jogo em que o erro é permitido. Não queremos cometer, claro. Mas até agora, isso não era possível, e a partir de amanhã, também não. Não tem mais margem para errar. Daqui para frente, é só pensar na vitória – disse Zé Roberto.

Por: Mariana Kneipp

veja também