MENU

Zerado, Fred se diz pronto para reta final e planeja homenagem a Ézio

Zerado, Fred se diz pronto para reta final e planeja homenagem a Ézio

Atualizado: Quinta-feira, 10 Novembro de 2011 as 2:51

Poupado da vitória sobre o Internacional, por 2 a 1, no último domingo, em pleno Beira-Rio, o atacante Fred está pronto para reforçar o Fluminense na partida do próximo sábado, contra o América-MG, às 19h (de Brasília), no Engenhão, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Livre das dores na panturrilha direita, o capitão planeja fazer uma homenagem ao ex-jogador Ézio, ídolo da torcida tricolor na década de 90, que faleceu na noite da última quarta-feira, vítima de um câncer no pâncreas, aos 45 anos.

Antes da entrevista, Fred posa com a camisa que usou para entrar em campo no jogo contra o Corinthians,

 quando marcou o gol da vitória tricolor por 1 a 0 (Foto: Edgard Maciel de Sá / GLOBOESPORTE.COM) - Meus sentimentos à família. A nação tricolor está triste pelo falecimento do Ézio. E não foi à toa que ele ganhou o apelido Super Ézio. Estava há pouco no vestiário e assisti, com outros dez jogadores, a um vídeo sobre ele. Todos se emocionaram. Foi um grande atacante e uma grande pessoa pelo que falam. Fizemos uma oração para o Ézio antes do treino e pretendo fazer alguma homenagem no jogo. A camisa 9 dele já me deu bons fluídos uma vez. Vou ver com a diretoria. Talvez jogar com o nome dele às costas. Não sei se é possível, mas vou tentar - resumiu Fred, que homenageou Ézio quando o mesmo revelou a doença, no início de setembro, e acabou fazendo o gol da vitória sobre o Corinthians, por 1 a 0, no Engenhão.

Treinando normalmente desde a última terça-feira, o atacante se disse zerado e pronto para ajudar o Fluminense nos últimos cinco jogos do Campeonato Brasileiro. E ainda lembrou que teria sido um risco enfrentar o Internacional no último domingo. - Estou bem, graças a Deus. Só tenho a agradecer a toda a comissão técnica que me ajudou, os fisioterapeutas, médicos e, principalmente, o Abel por ter bancado e compreendido bem os riscos que teríamos se eu jogasse contra o Inter. Acho que ser poupado foi a atitude mais correta. A equipe foi bem, ganhou, e eu estou zerado para a reta final - resumiu o camisa 9, que atribuiu à comissão técnica de Abelão a responsabilidade por seu bom desempenho na atual temporada.

- O Cristiano Nunes (preparador físico) está sendo fundamental para mim. Sempre que falo do Abel lembro da comissão técnica. É uma galera muito competente. O Cris já chegou entendendo que precisaria ter um carinho especial comigo. Desde então só tem acontecido coisas boas. A programação é sempre muito forte, mas sou sempre muito cobrado e chego antes para fazer reforço muscular ou manutenção. São todos rigorosos, mas parceiros.

Com o retorno do Fred, o Fluminense encara o Coelho de olho na liderança do Brasileirão. Para assumir a ponta, o Tricolor precisa vencer no sábado e ainda torcer por tropeços da dupla Corinthians e Vasco, que joga no domingo.          

veja também