MENU

Zico não garante que Fla seguirá na Série A e vê Libertadores distante

Zico não garante que Fla seguirá na Série A e vê Libertadores distante

Atualizado: Quinta-feira, 23 Setembro de 2010 as 8:59

Zico não empenha sua palavra em algo que não pode garantir. Equilibrando-se entre os postos de maior ídolo da história do Flamengo e de atual diretor-executivo do clube, o ex-camisa 10 não faz promessas gratuitas. Prefere ser realista, lidar com os fatos, encarar a realidade, tenha ela a dureza que tiver. Na madrugada desta quinta-feira, em um corredor do estádio Olímpico, minutos depois do empate por 2 a 2 com o Grêmio, o Galinho analisou a situação rubro-negra no Brasileirão. E foi cauteloso ao extremo.

O resultado deixou o Flamengo na 14ª colocação no Campeonato Brasileiro, com 28 pontos, apenas cinco à frente da zona de rebaixamento – se o Atlético-MG vencer o Fluminense nesta quinta-feira, a distância cairá para quatro. Zico, questionado se poderia assegurar ao torcedor rubro-negro que o Fla seguirá na Primeira Divisão, preferiu não dar certezas.

- No futebol, não se garante nada. Não tenho impressão nenhuma. A gente não pensa nisso, mas futebol é futebol, e é emocionante por causa disso. Você sabe quem será o campeão? Sabe quem vai ser rebaixado? O futebol brasileiro é um dos mais difíceis do mundo. O Flamengo está se reencontrando. Temos fé de que vamos subir mais na tabela – disse o treinador. Zico confia em um crescimento do time comandado por Silas. E sabe que ele próprio é importante no processo de retomada do atual campeão brasileiro. O ídolo rubro-negro só lamenta não ter assumido o cargo diretivo em um momento mais tranquilo.

- O grande problema é pegar o trem andando. Quando está no inicio e pode montar pré-temporada, planejamento de contratações, sabendo as competições que vai disputar, é uma coisa. Se pega no meio, com problemas sérios de disciplina, perdendo o artilheiro (Adriano), perdendo outros jogadores importantes, é diferente. Aí tem que ajeitar no meio da competição. Agora, os resultados começam a aparecer. Começar, desde o inicio, é uma coisa. Do meio, é outra – afirmou Zico.

O diretor-executivo do Flamengo admite que alcançar uma vaga na Libertadores, o mínimo que a torcida rubro-negra espera, virou uma tarefa árdua. Mas acredita que ainda é possível chegar lá.

- Matematicamente, pelo equilíbrio do campeonato, é possível. Mas não resta dúvidas de que estamos distantes – afirmou Zico.

A Conmebol comunicou, nesta quarta-feira, que o fato de o Inter ter sido campeão da Libertadores não garante ao Brasil mais uma vaga na Libertadores. Com isso, apenas os três primeiros do Brasileirão irão para a competição continental. Zico não reclamou da decisão da entidade que comanda o futebol sul-americano.

- Recebemos a informação com tranquilidade. É parte do jogo. É o regulamento. Vamos lutar para chegar na melhor posição possível. Independentemente de ser para disputar titulo, Libertadores ou Sul-Americana, é dever do Flamengo jogar sempre com dignidade.

O Fluminense, com 42 pontos, é o atual último classificado para a Libertadores. O rival flamenguista tem 14 pontos a mais do que o Rubro-Negro no Brasileirão.

veja também