MENU

Com dívida de R$ 432 mi, Fla analisa balanço anual e vê números positivos

Com dívida de R$ 432 mi, Flamengo analisa balanço anual

Atualizado: Quarta-feira, 9 Maio de 2012 as 12:16

Divulgado no último dia útil de abril, o balanço anual do Flamengo apresenta um rombo nos cofres do clube. O passivo é de R$ 432 milhões, e a folha salarial do futebol flutua, segundo a diretoria, acima dos R$ 5 milhões por mês. Os números, no entanto, não assustam quem toma conta do caixa da Gávea. Pelo menos é o que garante o vice de finanças, Michel Levy. Se a oposição se baseia na saúde financeira para dizer que o clube está mal das pernas, Levy, dirigente que ficou conhecido por participar ativamente do dia a dia do futebol e bater de frente com Vanderlei Luxemburgo, não teme cair do cavalo galopante das dívidas.
- De 2010 para cá não dá para mudar muita coisa. Você freou o cavalo. Agora, começamos a avançar, tentando galopar. De 2011 para 2012 será possível dar equilíbrio e avançar. Estamos colhendo um pedacinho, o paçocão vem no ano que vem.
O dirigente analisa os números pelo lado positivo e apresenta argumentos para provar que o Flamengo enxerga luz no fim do túnel, ou do cofre. Levy comenta os aumentos dos impostos em dia que pularam de R$ 50 milhões em 2010 para R$ 72 milhões no ano seguinte, diz que fez acordo em contrato para receber cotas da televisão antecipadamente sem necessidade de aprovação do Conselho do clube. Admite também, sem se aprofundar, que os gastos mensais atingem R$ 10 milhões com folha salarial de todo o clube, garante que o futebol gasta pouco acima de R$ 5 milhões por mês e diz:
- Não é barata, não (folha do futebol). É cara pra cacete, mas não é de R$ 8 milhões como chegaram a dizer.

veja também