MENU

Patito tem nome publicado no BID e pode estrear pelo Santos contra o Atlético-GO

Patito tem nome publicado no BID e pode estrear pelo Santos contra o Atlético-GO

Atualizado: Sexta-feira, 10 Agosto de 2012 as 6:06

Gazeta

Depois do anuncio da contratação do centroavante André, o torcedor do Santos recebeu mais uma boa notícia neste começo de tarde de sexta-feira.

Patito foi regularizado na CBF

Foto: Divulgação

Depois do anuncio da contratação de André, o torcedor do Santos recebeu mais uma boa notícia nesta sexta-feira. O meia-atacante Patrício \"Patito\" Rodríguez teve a sua documentação liberada pela AFA (Associação de Futebol da Argentina) e, finalmente, pôde ser inscrito pelo clube para a disputa do Campeonato Brasileiro.

Santos recontrata André e paga R$ 4,9 milhões por 25% dos seus direitos

O nome do argentino, que chegou a Vila Belmiro com a ajuda de um grupo de investidores, já saiu no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF. Sendo assim, \"Patito\" está liberado para fazer a sua estreia.

Muricy veta Henrique e confirma time do Santos para enfrentar o Atlético-GO

Contratado no último dia da janela de transferências internacionais do Brasileirão, \"Patito\" Rodríguez já vem treinando há três semanas com os seus novos companheiros. Só que o imbróglio envolvendo uma pendência jurídica entre o Independente e a AFA - o ex-clube do meia-atacante deve uma quantia à entidade - estava impedindo que a documentação do jogador fosse encaminhada, para o seu devido registro na CBF.

Para solucionar o caso, a cúpula alvinegra chegou a acionar a Fifa, que intercedeu junto à AFA pela liberação de \"Patito\". Com isso, a AFA emitiu o CTI (Certificado de Transferências Internacionais). O pai do atleta também havia ingressado com uma ação na justiça argentina, pedindo que a documentação fosse emitida pela entidade, pois o meia-atacante não podia ser impedido de trabalhar.

Agora, com a situação resolvida, o técnico Muricy Ramalho deve relacionar \"Patito\" Rodriguez para o duelo com o Atlético-GO, neste sábado, no Pacaembu. O treinador deve deixá-lo como opção no banco de reservas. \"Ele ainda precisa de um maior entrosamento com o time. Deve ficar como opção no banco\", resumiu Muricy, que tem ficado satisfeito com o desempenho do argentino nos treinamentos realizados, desde que o meia-atacante chegou ao clube.


Continue lendo...

veja também