MENU

R10 sobre semestre: Acabamos decepcionando..

R10 sobre semestre: Acabamos decepcionando...

Atualizado: Quarta-feira, 16 Maio de 2012 as 8:54

Depois que Joel Santana confessou estar envergonhado e chegar até a chorar por causa do desempenho do Flamengo no início do ano, com as eliminações no Campeonato Carioca e Taça Libertadores, Ronaldinho Gaúchoapareceu com um discurso em que faz um mea culpa também, mas num tom mais animado com o futuro rubro-negro. Em entrevista à TV Fla, que teve sua estreia na noite desta terça-feira, o camisa 10 afirmou que, em quase um ano e meio de clube, foram mais alegrias do que tristeza. Mas reconheceu que o time decepcionou no primeiro semestre de 2012 e prometeu a volta por cima, começando na estreia no Campeonato Brasileiro,  sábado, contra o Sport, em Recife, depois de 27 dias sem jogar.
- Podem esperar um Flamengo bem diferente (no Brasileiro). Fomos bem no ano passado, conseguimos o objetivo de colocar o Flamengo na Libertadores e se criou uma expectativa muito grande. Acabamos decepcionando e decepcionados. Segundo semestre é para dar a volta por cima e fazer um excelente Brasileiro como foi o ano passado – afirmou Ronaldinho Gaúcho.

Apesar dos contratempos, o craque acredita que em sua passagem, perto de completar um ano e meio, teve mais alegrias do que tristeza até o momento. O camisa 10 conquistou o Carioca de 2011 e ajudou o time a conseguir vaga na Libertadores, mas o Rubro-Negro acabou eliminado nas duas competições em 2012.

- O primeiro semestre foi difícil para gente. Mas se botar na balança, foi mais alegria do que tristeza. Mas a gente vive de momento, quer voltar a viver um momento feliz – afirmou Ronaldinho Gaúcho, ao fazer um balanço desde sua chegada em janeiro de 2011.

Ao comentar sobre quem é Ronaldinho, o jogador disse que não é um personagem e aproveitou para desabafar:

- Ronaldo é isso mesmo, isso que o povo conhece. O que tem de diferente é a mentira que as pessoas inventam a teu respeito, que aumentam ou não comentam. Sou exatamente o que eu sou, não tem personagem.

veja também